YouTube proíbe anúncios de política, álcool e apostas no topo de sua página inicial

Regra já está em vigor e segue mudança feita em 2020 no principal espaço de publicidade do serviço de vídeos do Google.
Segunda-Feira, 14 de Junho de 2021 - 17:19

O YouTube informou nesta segunda-feira (14) que não permitirá mais anúncios relacionados a política, álcool, medicamentos controlados ou apostas no topo de sua página inicial.

A plataforma afirmou, em e-mail a anunciantes, que a decisão foi tomada com base em uma mudança de 2020 que deu fim aos anúncios que são veiculados por um dia inteiro no "masthead", como é chamado o cabeçalho de sua página inicial.

"Revisamos regularmente nossos requisitos de publicidade para garantir que equilibrem as necessidades dos anunciantes e dos usuários", afirmou um porta-voz do Google, em comunicado.

"Acreditamos que esta atualização terá como base as mudanças que fizemos no ano passado no processo de reserva do masthead e levará a uma melhor experiência para os usuários".

O Google disse que a mudança em seu bloco de anúncios mais proeminente, que foi relatado pela primeira vez pelo site Axios, entra em vigor imediatamente.

O Google já havia interrompido completamente os anúncios políticos durante a campanha presidencial dos Estados Unidos e antes da posse do presidente Joe Biden em janeiro deste ano, citando sua política sobre eventos delicados.

Fonte - 20 - Por Reuters

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.