News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Quarta-Feira, 16 de Junho de 2021

Livre

Mães ajudam 4 mil famílias de pessoas com deficiência e vulnerabilidade

Crianças com deficiências atendidas pela Associação Grupo de Mães Anjos de Luz, em RR
Domingo, 06 de Junho de 2021 - 11:24

Mais de 4 mil famílias de pessoas com deficiência, que vivem em situação de vulnerabilidade social, têm recebido auxílio da Associação Grupo de Mães Anjos de Luz, em Roraima.

A chegada de uma criança traz consigo uma infinidade de sentimentos: alegria, ansiedade, medo, realização. Mas, quando chega a notícia de que a criança precisa de cuidados especiais, em decorrência de qualquer alteração, doença ou deficiência, ela é sempre assustadora e um choque, principalmente para famílias sem instrução e sem condições financeiras para os tratamentos necessários.

“Sabendo desse impacto na vida das famílias e, em especial, das mães dessas crianças. Dona Maria das Dores começou o trabalho da Associação Grupo de Mães Anjos de Luz e usa do espaço para apoiar, orientar e acolher crianças e famílias que precisam de um lugar para se sentirem reconhecidas e protegidas. É um trabalho que emana amor genuíno”, afirmam Iara e Eduardo, os Caçadores de Bons Exemplos.

O trabalho é feito em Boa Vista, Roraima e oferece acesso à médicos, fisioterapeutas, psicólogos, oficinas e aulas, diferentes atividades de desenvolvimento psicoemocional e motores para as crianças e atua diretamente com as mães de cada uma delas.

“Nossa principal missão é mostrar que essas crianças não são problemas, pesos ou fardos. Defendemos e acreditamos que eles são, de fato, Anjos de Luz, que vieram com a missão e propósito de nos ensinar como é incondicional o amor e como é essencial que eles sejam tratados como seres humanos capazes de grandes realizações, mesmo tendo suas limitações”, afirma Maria das Dores.

União e inclusão

A união das mães se tornou algo grande e hoje trabalha com a filosofia que promove a aproximação, cooperação e integração dos pais de pessoas com deficiência, proporcionando acesso à uma vida digna com saúde, lazer e integração à sociedade.

“O amor é que move o nosso trabalho, nossas despesas são enormes, ajudamos com remédios, tratamentos. Mas não olhamos para isso, nossos olhos estão focados nos olhos das nossas crianças, nos abraços das nossas mães. É isso que importa, mostrar para eles o quão fortes eles conseguem ser se tiverem o apoio e o direcionamento certo”, ensina dona Maria das Dores.

 

.

Fonte - sonoticiaboa

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.