News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Terça-Feira, 15 de Junho de 2021

10 anos

Polícia encontra corpo de médico acriano desaparecido na Bahia, colega de profissão é o principal suspeito

O corpo da vítima foi encontrado hoje amarrado em uma âncora boiando em um rio por pescadores.
Sexta-Feira, 28 de Maio de 2021 - 19:11

O médico Geraldo Freitas de Carvalho Júnior, 32 anos preso nesta sexta-feira (28), em um condomínio na rua Mamede, no bairro Santa Mônica. Ele é apontado pela Polícia Civil da Bahia como sendo o principal suspeito de assassinar o próprio amigo, o médico psiquiatra acriano Andrade Santana Lopez, 32 anos. O corpo da vítima foi encontrado hoje amarrado em uma âncora boiando em um rio por pescadores.

O delegado Roberto Leal, da 1ª Coordenadoria Regional de Polícia (Coorppin/Feira), a frente das investigações disse que as suspeitas recaíram contra o amigo da vítima pelas contradições no seu depoimento.

A partir de então, o delegado informou que foram feitas diversas diligências nos locais, destinado à pratica de Jet-ski, no Rio Jacuípe, no município de São Gonçalo dos Campos. Imagens de câmeras, mostraram mais contradições quanto as informações prestadas pelo acusado. O corpo do médico Andrade Santana Lopez, foi achado na manhã desta sexta, 28, por pescadores.

A Polícia Civil também informou que imagens de câmeras, comprovam que o suspeito havia feito a compra do objeto usado no afundamento do corpo recentemente.

Andrade Santana Lopez desapareceu na última segunda-feira (24) quando se deslocava de Araci onde residia para Feira de Santana na Bahia. O veículo do acriano foi encontrado na noite do mesmo dia, em Conceição do Jacuípe, por policiais rodoviários.

De acordo com o delegado, ainda não há indicativo que apontam para a motivação do crime. “Nos autos, não há prova de qualquer tipo de animosidade entre autor e vítima”, explica.


suspeito

A polícia, agora, vai “aprofundar” as investigações, em busca de explicar os motivos, confirmar a real participação do amigo e esclarecer se houve o envolvimento da participação de terceiros.

Áudios feitos pela família da vítima mostram que assim como outros colegas médicos, o suposto autor do crime esteve entre os familiares da vítima na delegacia.

Fonte - News Rondônia

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.