News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Quinta-Feira, 24 de Junho de 2021

Livre

DER conclui cerca de 85% das obras no Aeroporto de Ji-Paraná; requisito necessário para certificação da Anac

O DER já conclui cerca de 85% das obras no Aeroporto, resultado do compromisso firmado entre Governo de Rondônia e Sociedade Civil Organizada.
Sexta-Feira, 21 de Maio de 2021 - 15:40

O Governo de Rondônia, por meio do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes (DER), está concluindo os investimentos em infraestrutura no Aeroporto José Coleto, em Ji-Paraná. As obras iniciadas em junho de 2020 seguem uma recomendação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para homologação da Certificação de Operação por Instrumento (IFR-Instrument Flight Rules). Requisito necessário para voar em condições climáticas adversas, com visibilidade limitada. A medida vai reduzir atrasos e cancelamentos de voos em dias com névoa, neblina, chuva ou fumaça, comuns em determinadas épocas do ano.

“A certificação traz maior visibilidade ao Aeroporto de Ji-Paraná e amplia as possibilidades de conquistar novas parcerias, o que, consequentemente, impacta em maior desenvolvimento para toda a região. Além disso, esse reconhecimento reforça todo o compromisso do governador de Rondônia, Marcos Rocha, com a segurança e a qualidade das operações aeroportuárias”, explicou Everton Esteves, secretário executivo Regional da Casa Civil.

O DER já conclui cerca de 85% das obras no Aeroporto, resultado do compromisso firmado entre Governo de Rondônia e Sociedade Civil Organizada. Com as obras já caminhando para a reta final, que culminam com a solicitação junto à Anac para mudança de categoria, VFR-Voo visual – ou seja, o piloto voa orientando-se pelas referências visuais externas à aeronave, para o IFR- Voo por Instrumentos, caso que o piloto se baseia nos computadores de bordo da própria aeronave, fatores que foram decisivos para o retorno de uma empresa aérea.

“Essa notícia é excelente para nós que moramos no interior do Estado. A empresa está anunciando o retorno dos voos para 7 de junho, em Vilhena, 2 de julho, em Ji-Paraná e 2 de agosto, em Cacoal. Para quem não é familiarizado com nossa região, o aeroporto de Ji-Paraná é um dos mais movimentados no interior do Estado, com demanda de 60 mil embarques e desembarques por ano”, detalhou Everton Esteves, secretário executivo Regional do Governo em Ji-Paraná.

SOBRE O AEROPORTO

Fundado em 1978, o Aeroporto José Coleto é um dos mais antigos de Rondônia. Sua localização geográfica privilegiada é decisiva para atrair novos investidores e até mesmo participantes da Rondônia Rural Show Internacional; turistas e atletas de outras regiões, facilitando ainda o transporte e insumos, medicação e vacinas contra covid-19.

“Toda essa demanda é resultado do trabalho do Poder Executivo. Fizemos uma série de melhorias nessa estrutura: expansão da faixa da pista, que saltou de 75 para 140 metros; remoção das residências na área operacional; instalação de papis; implantação de seis quilômetros de cerca em torno da pista; sinalização horizontal e vertical, correção de desníveis e terraplanagem; reajuste nas dimensões das resas, que ficam nas cabeceiras da pista, que saltou de 60 para 90 metros e melhorias na pista com 1.800 metros de extensão e 45 de largura”, pontuou Esteves.

Em 2018, o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea) definiu novos critérios operacionais para operação de voos por instrumentos no Brasil. O objetivo foi utilizar a tecnologia embarcada nas novas aeronaves e a infraestrutura aeroportuária para reduzir o tempo de interrupção das operações em dias com condições climáticas adversas. Isso ajuda a melhorar o desempenho operacional do setor, sem comprometer a segurança. Com a nova tecnologia é possível uma aeronave decolar com apenas 800 metros de visibilidade, por exemplo, pois o piloto passa a se orientar pelos instrumentos de bordo e não apenas por referências visuais exteriores.

Fonte - 010 - SECOM - GOV/RO

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.