News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Sexta-Feira, 18 de Junho de 2021

Livre

Menino pede ajuda para estudar e comerciante doa material escolar [vídeo]

Ele gravou as imagens e postou nas redes sociais. Mauricio Casado, sensibilizado com a situação da criança, doou material escolar para o garotinho.
Sexta-Feira, 14 de Maio de 2021 - 15:21

Essa história só apareceu porque um cliente testemunhou o momento em que um menino entrou numa livraria e pediu ao comerciante ajuda para estudar.

Ele gravou as imagens e postou nas redes sociais. Mauricio Casado, sensibilizado com a situação da criança, doou material escolar para o garotinho. O vídeo viralizou e comoveu milhares de internautas. (assista abaixo)

“O menino entrou e perguntou respeitosamente se tínhamos […] porque não tinha dinheiro para comprá-los para usar na escola. Perguntei o que ele precisava e tudo o que ele pediu foram cadernos e lápis de cores. E adicionamos um lápis, uma caneta, uma borracha, um apontador, uma régua, um estojo e algumas outras coisas. Coloquei tudo em uma bolsa e dei para ele. Ele saiu muito feliz, agradeceu antes de sair e foi embora ”, contou Maurício Casado.

Ele tem 48 anos, mora na província de Mendoza, na Argentina e é dono da Livraria Dino, que fica no centro de San Rafael.

O cliente

Enquanto tudo aquilo acontecia na livraria, um cliente que estava lá ficou surpreso com o que viu e depois de parabenizar o homem, decidiu compartilhar a história no Facebook.

Ele escreveu: “Fatos que transcendem. Por acaso do tempo esta manhã presenciei um acontecimento que nos incentiva a continuar pressionando para o lado certo. O dono da livraria Dino (terceiro quarteirão do Libertador) deixou entrar em suas dependências uma criança que não pedia dinheiro ou comida … entrava para pedir mantimentos para poder ir à escola (palavras literais do filho de não mais de 8 anos). […] ‘O que mais você precisa?’ Tive que expressar a minha admiração e recomendo o lugar onde certamente mais acontecimentos como este aconteceram, só que desta vez fui testemunha ”.

A publicação do homem rapidamente se tornou viral. Logo alcançou mais de 11 mil reações, foi compartilhada por 55 mil pessoas e recebeu milhares de mensagens que aplaudiram a nobre ação de Mauricio.

Caminhos do pai

Alguns seguidores mencionaram que o pai de Mauricio, Dino Casado, que agora tem 74 anos, ajudava as crianças da mesma forma e o filho.

Em entrevista ao médium Infobae, Maurício mencionou que seu pai começou abrindo um quiosque em 1981, onde vendia diversos tipos de mercadorias e acabou abrindo sua livraria e se tornou um homem muito amado e respeitado pelos vizinhos.

“Muitas pessoas nos escreveram agradecendo o gesto […] houve quem dissesse qie graças ao fato de meu pai ter lhes dado as ferramentas naquele época, eles puderam estudar ou ir para a escola. Até uma senhora, em resposta a um comentário que dizia que fazemos isso para fins de marketing, disse que, quando ela perdeu o emprego, meu pai deu suprimentos para sua filha durante anos. Você sabe como foi emocionante ler isso? Eu printei e mostrei para meu pai, que chorou por causa daquelas palavras. ”

O argentino acrescentou: “Meu pai de 74 anos sempre vai à livraria. Antes da pandemia, fazia isso todos os dias […] agora ele aparece dia sim, dia não, por algumas horas. Ainda vejo como o cumprimentam com muito carinho. Todo mundo conhece ele na rua e isso me deixa muito feliz e me deixa muito orgulhoso ”.

Mauricio disse na entrevista que espera que “isso gere um efeito multiplicado e faça muita gente pensar na importância de ajudar os outros. Não é preciso colaborar com dinheiro, todos temos em casa roupas que não usamos e em boas condições que podem doar para quem precisa, tem muita gente que precisa de ajuda ”, concluiu.

Assista ao vídeo:

Fonte - 010 - sonoticiaboa

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.