News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Segunda-Feira, 21 de Junho de 2021

Livre

De plantações de café a potes e xícaras fumegantes: a rota do café do Brasil para o mundo

Dachser Brasil garante que a cadeia de abastecimento de café continue funcionando perfeitamente
Quinta-Feira, 06 de Maio de 2021 - 17:15

O Brasil exportou, em 2019, 4 milhões de sacas de café torrado, segundo dados da ABIC. Mas é na exportação de café em grão in natura que o Brasil tem a liderança internacional e que o torna o maior exportador de café do mundo. Segundo o Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé), o Brasil exportou 3.077.476 sacas de 60 kg. cada um em janeiro de 2021 sozinho.

Atualmente, os portos marítimos localizados em Santos (SP), Rio de Janeiro (RJ), Vitória (ES), Paranaguá (PR) e Salvador (BA) são os principais destinos de exportação de café, com o porto de Santos (SP) na liderança. Segundo a Organização Internacional do Café (OIC), a União Européia lidera o ranking de maior importador do produto, seguida por países como Estados Unidos, Japão, Rússia e Canadá.

Geralmente, a maior parte das exportações brasileiras de grãos de café é feita por via marítima e transportada em contêineres. O frete aéreo é utilizado principalmente para o transporte de grãos de café especiais, já torrados e extremamente sensíveis às mudanças de temperatura. Esse tipo de café é colhido, torrado, embalado em caixas a vácuo e mantas térmicas e transportado diretamente para o avião, para assim evitar variações de temperatura.

Embora não em grande escala, o Brasil também produz e exporta café torrado, sendo a Dachser uma das referências, pois conta com equipes especializadas que planejam e executam o transporte desse delicado tipo de café com alto conhecimento de sua delicada cadeia de suprimentos. “Nossos principais clientes que importam grãos de café crus estão localizados no Japão e nos EUA. O café torrado vai principalmente para a Europa. A Dachser oferece transporte especializado para os dois tipos de café e apoia a distribuição desse produto brasileiro pelo mundo”, afirma João Caldana, Diretor-Superintendente da Dachser Brasil.

“A Dachser Brasil tem experiência no transporte de grãos de café crus e os cuidados especiais que os grãos de café torrados precisam. Assim, garantimos uma entrega dentro do prazo, com toda a fiabilidade e precisão que este tipo de operação exige ”, completa o Sr. Caldana.

Sobre a Dachser Brasil

Graças aos 31.000 funcionários, em 393 locais em todo o mundo, a Dachser gerou uma receita líquida consolidada de aproximadamente 5,7 bilhões de euros em 2019. Nesse mesmo ano, o setor de logística movimentou um total de 80,6 milhões de remessas pesando 41,0 milhões de toneladas. A Dachser está presente em 44 países.

Fonte - Maíra Fernandes/Image

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.