News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Terça-Feira, 18 de Maio de 2021

Livre

Governo distribui 11.990 doses de vacinas contra Influenza A; Ji-Paraná registrou nove notificações de H1N1 em 2020

A partir de 11 de maio até 8 de junho, os idosos com idade a partir de 60 anos e os professores entram na lista de prioritários a se vacinarem contra H1N1.
Sexta-Feira, 16 de Abril de 2021 - 11:39

O Governo de Rondônia, por intermédio da Secretaria de Estado de Saúde (Sesau), entregou 11.990 doses do imunizante para os 15 municípios da região Central. Ji-Paraná recebeu 5.260 doses; dessas, 1.430 são destinadas à vacinação da população indígena. O imunizante deve ser aplicado imediatamente, até o dia 10 de maio, em quatro grupos prioritários, que são: crianças com idades de seis meses até cinco anos, 11 meses e 29 dias; gestantes puérperas, trabalhadores da área de saúde e indígenas.

A partir de 11 de maio até 8 de junho, os idosos com idade a partir de 60 anos e os professores entram na lista de prioritários a se vacinarem contra H1N1. As datas de imunização para outros grupos serão divulgadas futuramente. A vacina protege contra três tipos de vírus: o Influenza A (H1N1 e H3N2) e o Influenza B.

Apesar do baixo número notificado pela Vigilância Epidemiológica em Ji-Paraná, nove casos durante todo o Exercício de 2020, a vacina contra a Influenza A já está disponível para a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa). A campanha vacinatória deve iniciar ainda em abril sob a responsabilidade do setor de imunização da prefeitura.

NOTIFICAÇÕES

Os registros eletrônicos de notificações dos nove casos para Influenza A de Ji-Paraná em 2020 revelam que seis deles testaram negativo para covid-19. A testagem é um protocolo adotado no início da pandemia para a certificação se a pessoa contraiu Influenza A e covid-19 ao mesmo tempo.

“O exame RT-PCR é o mais recomendado pelo Ministério da Saúde para detecção do novo coronavírus. Devido ao início da pandemia, nos casos de pacientes portadores do vírus H1N1 estão sendo realizados esse outro exame”, explica a diretora de epidemiologia da 1ª Gerência Regional de Saúde (1ª GRS de Ji-Paraná), Suzemar Ferreira.

O RT-PCR é um exame considerado ideal para o diagnóstico para covid-19. O exame tem alto índice de acerto ao diferenciar um paciente infectado do não-infectado.

Fonte - 010 - SECOM - GOV/RO

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.