News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Terça-Feira, 20 de Abril de 2021

Livre

AUXÍLIO PANDEMIA – Deputado Anderson sugere a compensação do auxílio transporte para servidores que estejam realizando seu trabalho em 'Home Office'

O parlamentar ressalta que a pandemia fugiu do controle dos órgãos de saúde e muitos trabalhadores que já foram infectados pelo coronavírus, estão se reinfectando e perdendo a vida.
Segunda-Feira, 29 de Março de 2021 - 10:56

O deputado estadual Anderson Pereira (PROS), encaminhou ao Poder Executivo com cópia para a Superintendência Estadual de Gestão de Pessoas – SEGEP, pedido indicando a necessidade de compensação do auxílio transporte, no mesmo valor, para o servidor que esteja realizando seu trabalho em "Home Office", no âmbito do estado de Rondônia.

O parlamentar ressalta que a pandemia fugiu do controle dos órgãos de saúde e muitos trabalhadores que já foram infectados pelo coronavírus, estão se reinfectando e perdendo a vida. De acordo com o secretário de saúde do estado, Dr. Fernando Máximo, 40% das pessoas que perderam a vida para esse vírus sequer tinham qualquer tipo de comorbidade ou doença.

Hospitais com 100% de ocupação para leitos clínicos e de UTI's com transferências para outros estados da federação e mesmo assim com uma fila de espera com quase 100 pessoas, para internações em leitos de UTI's, tem preocupado o parlamentar que pede urgência no atendimento deste pedido de indicação devido a necessidade que o caso requerer.

A pandemia causada pela doença COVID-19, trouxe essa alternativa de trabalho viável e ainda evita aglomeração nos prédios públicos, só que muitos servidores estão retornando aos postos de trabalho (presencial) porque não existe incentivo nenhum por parte do poder público, para trabalharem em casa.

"Os servidores em casa não geram custo nenhum para o Estado (na execução do serviço), sendo todas as despesas por conta deles. Outro ponto positivo é a qualidade do serviço, indiscutível, mesmo assim eles ainda tiveram o corte do auxílio-transporte. Portanto, essa iniciativa não vai gerar despesa para o estado, uma vez que esses profissionais já possuem esse direito, queremos apenas que o governo seja sensível a causa e retorno o pagamento do auxílio transporte para estes profissionais", finalizou Anderson Pereira.

Fonte - 010 - Assessoria

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.