News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Terça-Feira, 20 de Abril de 2021

Livre

Desrespeito às regras de lockdown no Acre passou a ser caso de polícia

Hoje, 333 pacientes ocupam um leito hospitalar para se recuperar da doença. Cerca de 10 pessoas aguardavam até o fechamento desta reportagem na fila de espera.
Quarta-Feira, 03 de Março de 2021 - 17:10

O Acre inclui a listra dos 18 estados, com alerta de situação critica pelo avanço de casos da Covid-19, em que a capacidade de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) chegou ao limite. Esta semana o número de óbitos no Estado alcançou a triste marca de 1.020 pessoas, desde o início da pandemia. Hoje, 333 pacientes ocupam um leito hospitalar para se recuperar da doença. Cerca de 10 pessoas aguardavam até o fechamento desta reportagem na fila de espera. 

Como vem ocorrendo em todo o Brasil, no Acre a grande preocupação é com o avanço da contaminação pelo novo coronavírus, associado, principalmente a falta de conscientização dos moradores, que insistem em desrespeitar as regras de segurança impostas pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Na tentativa de frear os novos casos, e da um fôlego na saúde pública, o governo do Acre vem adotando medidas duras. De casa onde se recupera da Covid-19, o governador Gladson Cameli (PP) pede que a população obedeça as regras.

“Mantenham os cuidados necessários para que a gente possa virá essa página”, explica.

Cameli segue com estado de saúde estável e segundo o médico responsável Marcos Parente, não tem apresentado efeitos colaterais.

“Apenas foi diagnosticado uma leve indisposição, uma das reações causadas pelo novo coronavírus, porém sem febre ou qualquer sinais de alarme”, disse.

Está semana, um encontro de diversas instituições, debateram formas para colocar em prática a aplicação do Decreto Estadual nº 8.147, assinado pelo governador Gladson Cameli. O documento tem como forma fazer a população cumprir as medidas restritivas, excepcionais decorrentes do agravamento da situação epidemiológica, motivada pelo novo coronavírus, e, a iminência de colapso do sistema de saúde.

Na reunião que ocorreu na sede da Prefeitura de Rio Branco, ficou estabelecido que a pessoa que estiver em desacordo com as regras será levada para a delegacia.

“Em caso de descumprimento do decreto a pessoa será conduzida à delegacia, onde será elaborado o termo de ocorrência. Se necessário, um inquérito policial será instaurado para apurar os fatos”, declara o delegado da Polícia Civil, Martin Cavalcante Hessel.

Essa final de semana que se aproxima o Acre colocará em prática o seu primeiro lockdown, onde apenas serviços essências poderão funcionar. Estão fora os Supermercados e Shopping, não vão poder abrir neste final de semana por conta do decreto.

Fonte - News Rondônia

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.