News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Quarta-Feira, 14 de Abril de 2021

Livre

VACINA RUSSA - Governo de Rondônia participa da apresentação de vacina russa em Brasília

A apresentação da vacina aconteceu nessa terça-feira (2), na sede da empresa fabricante da vacina Sputnik V, em Brasília.
Quarta-Feira, 03 de Março de 2021 - 11:50

O Governo de Rondônia por meio da Superintendência de Integração do Estado de Rondônia, participou da reunião onde foi apresentado o imunizante Sputnik V, de fabricação russa, aos representantes de 18 estados e Distrito Federal. A apresentação da vacina aconteceu nessa terça-feira (2), na sede da empresa fabricante da vacina Sputnik V, em Brasília.

O encontro serviu para que o presidente da companhia, Fernando de Castro Marques, demonstrasse a qualidade dos medicamentos produzidos no laboratório farmacêutico. Ele explicou que podem ser fabricadas mais de 10 milhões de vacinas até o final de março e a partir de abril, a empresa comporta a entrega mensal superior a 6 milhões de doses do imunizante. Marques ressaltou que, neste momento a produção destina-se a testes e após a aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) será possível atender à celeridade solicitada pelos governadores.

Na quarta-feira (3), o laboratório entrega à Anvisa, respostas aos 34 questionamentos que a agência fez sobre o estudo fase 3 da Sputnik na Rússia. “Este é um passo que pode ser ultrapassado mais rapidamente, por conta da urgência da vacinação”, acrescentou o presidente.

A fase 3 do estudo avalia a eficácia e a segurança do produto, além de possíveis efeitos colaterais. Aproximadamente 20 mil voluntários estão sendo testados naquele país, em duas aplicações com intervalo de 21 dias entre as doses. Foi publicado na revista The Lancet que a Sputnik V, tem funcionado bem em pessoas com mais de 60 anos, no qual a eficácia alcançou 91%.

O superintendente de Integração do Estado de Rondônia em Brasília, Augusto Leonel, definiu como urgente a aquisição de todos os imunizantes que tenham estudos no Brasil ou no exterior. “Acredito que Rondônia vai virar esta página. O governador, coronel Marcos Rocha tem batalhado todos os dias por vacinas para os rondonienses. Espero que haja cada vez mais celeridade da Anvisa nas análises, assim como foram com outras vacinas”, acrescentou.

A vacina foi registrada em 11 de agosto, antes mesmo da conclusão dos testes de eficácia. Foi a primeira no mundo a ser aprovada por uma autoridade sanitária. Na semana passada, o prefeito de Moscou anunciou que 400 mil pessoas haviam sido vacinadas na capital, que tem cerca de 12 milhões de habitantes.

Fonte - 010 - SECOM - GOV/RO

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.