News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Quarta-Feira, 21 de Abril de 2021

Livre

Enfim o governo de Rondônia cai na real que precisa endurecer na fiscalização - Por Carlos Caldeira

A pandemia do novo coronavírus está aí como prova viva, ou melhor, “mortal”, do quanto o brasileiro é desleixado.
Terça-Feira, 02 de Março de 2021 - 15:55

Nunca foi tão certo o ditado popular que diz: “brasileiro só fecha a porta depois de roubado”. A pandemia do novo coronavírus está aí como prova viva, ou melhor, “mortal”, do quanto o brasileiro é desleixado. Enquanto o mundo inteiro tenta evitar o pior, o brasileiro faz exatamente o contrário e promove gigantescas festas para qualquer eventozinho mequetrefe que só produz desgraça em tempos tão sombrios como o que estamos vivendo.

Em Rondônia e em especial na capital Porto Velho, que segundo dados da SEMUSA – Secretaria Municipal de Saúde, do dia 02 de janeiro a 01 de março deste ano, 343 portovelhenses já perderam a vida para o coronavírus, uma assustadora média de 6 mortes por dia.

No final do dia de ontem 01/03, em entrevista ao site NewsRondônia, o comandante do corpo de bombeiros, Cel. Gregório e o secretário adjunto de segurança, Delegado Hélio Costa, adiantaram que “um novo decreto iria ser publicado e que vinha trazer medidas mais radicais contra aqueles que teimam em desafiar o vírus” e a confirmação veio através do próprio Governador Marcos Rocha, que em entrevista a uma rádio local, anunciou que vai publicar um novo decreto ainda hoje e que “VAI FECHAR TUDO NOS FINAIS DE SEMANA”.

É bom que o senhor governador tenha ciência que o vírus não circula só nos finais de semana e que FECHAR TUDO, significa FECHAR TUDO MESMO e não fechar SÓ OS PEQUENOS e deixar os grandes faturando uma fabula e promovendo grandes aglomerações dentro de seus estabelecimentos, isso seria CHOVER NO MOLHADO, literalmente.

Fontes palacianas informam que tais medidas, com direito a multa e até Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) aos que se acham os super P das galáxias, os bam bam bans, que estão imunes ao vírus e que as máscaras não lhe caem bem, devem começar a ser aplicadas imediatamente, 24 horas por dia, sete dias na semana.

Enquanto a vacina não chega para todos e essa “segunda onda” continuar fazendo milhares de vítimas todos os dias, o brasileiro precisa entender que tudo aquilo que os especialistas e cientistas de redes sociais falam sobre o vírus, não passam de imbecilidades e idiotices produzidas por quem não tem o que fazer e acha que pode manipular um bando de pessoas sem noção com ideias que só vão leva-los direto para o buraco de cemitério, já que leitos de UTI e clínicos, nós não temos. 

Fonte - News Rondônia

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.