News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Terça-Feira, 09 de Março de 2021

Livre

Ano atípico força governo do Acre a decretar situação emergência

Mesmo com investimentos no setor, o governo acriano não descarta risco de colapso novamente na saúde.
Quarta-Feira, 17 de Fevereiro de 2021 - 16:50

Desde o início do ano, o Acre sofre com a sobrecarga de doentes hospitalizados pela Covid-19, nos hospitais e unidades de saúde. A doença que na terça-feira (16) somava mais de 54 mil casos ativos, já conta com 932 óbitos. Mesmo com investimentos no setor, o governo acriano não descarta risco de colapso novamente na saúde.

O avanço das águas do Rio Acre que ontem alcançou a marca dos 15,62 metros, com 1,62 metros acima da cota de transbordamento, tem mais de 10 bairros na capital Rio Branco afetados, e 15 mil pessoas atingidas alimenta outra preocupação. Além disso, o cenário de cheia também é visto em Tarauacá, Cruzeiro do Sul, Jordão, Mâncio Lima, Porto Acre, Rodrigues Alves, Santa Rosa do Purus e Sena Madureira. Tarauacá sofre a segunda alagação só este ano.

Outro agravante que enfrenta o Acre é com um surto de Dengue. Segundo informações do governo do Estado, 80% dos atendimentos nas Unidades de Pronto Atendimento (UPA) de Rio Branco são de casos relacionados com a doença transmitida pelo Aedes Aegypti. Dos 8,6 mil registros suspeitos, 1,5 mil são positivos.

Por ultimo o Estado vem enfrentando um problema humanitário, desde que imigrantes haitianos recém chegados de diversas partes do Brasil e da Bolívia começaram uma peregrinação em Assis Brasil. Desde domingo (13), mais de 300 deles entre crianças, mulheres, e homens tentam cruzar sem sucesso a fronteira do Brasil com o Peru.

Na terça-feira, o grupo que está acampado na Ponte Internacional da Amizade que divide as cidades de Assis Brasil e Iñapari tentou furar o bloqueio da Polícia e do Exército peruano. Houve corre-corre e a polícia precisou usar Sprey de pimenta para conter a multidão.

Segundo o prefeito de Assis Brasil Jerry Correa (PT), os imigrantes esperam uma posição do Governo do Peru para entrarem no país. A intenção dos refugiados e seguir viagem até o México. Desde o início da pandemia em 2020, o Peru mantém bloqueio ao país.

Gladson Cameli (PP), declarou que não tem alternativa se não assinar o Decreto de Emergência nesta quarta-feira (17). Está semana o governador do Acre, confirmou audiência com os ministros Paulo Guedes economia e Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional. 

Fonte - NewsRondonia

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.