News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Segunda-Feira, 08 de Março de 2021

Livre

Mais de seis mil alunos da rede estadual são beneficiados com Ensino Integral em Rondônia

Os programas de Ensino Integral da rede estadual são de responsabilidade da Secretaria Estadual de Educação (Seduc).
Sexta-Feira, 22 de Janeiro de 2021 - 10:18

O Governo de Rondônia vem investindo no setor da Educação com o propósito de melhorar a qualidade de ensino e a vida de crianças e adolescentes que vivem em vulnerabilidade social. Nessa perspectiva, o Estado conta atualmente com 27 escolas em tempo integral, sendo nove delas do Ensino Fundamental, pertencente ao Projeto Guaporé, e 18 do Ensino Médio, do Programa Escola do Novo Tempo, onde contam com 9 horas e 50 minutos de carga horária diária para cada programa e projeto. Os programas de Ensino Integral da rede estadual são de responsabilidade da Secretaria Estadual de Educação (Seduc).

O Projeto Guaporé, criado pela Lei n° 4.202, de 12 de dezembro de 2017, implementa a Educação Integral em nove escolas da rede pública de ensino estadual, do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental, com a ampliação da jornada escolar diária e criação de espaços de aprendizagem, incluindo as perspectivas da cidadania, da diversidade e de respeito aos direitos humanos.

Segundo informações da Seduc, atualmente, o projeto atende aproximadamente 2.252 estudantes dos municípios de Cacoal, Jaru, Pimenta Bueno, Porto Velho, Rolim de Moura e Vilhena. Além das disciplinas comuns da Base Nacional de Educação, o Projeto Guaporé possui sete eixos temáticos que visam a permanência dos estudantes na escola e melhoria da aprendizagem relacionada à leitura, escrita, cálculo, cidadania, saúde e educação ambiental.

A ampliação da jornada escolar nessas escolas tem resultado em estudantes mais responsáveis e autônomos, que substituem o tempo ocioso por atividades enriquecedoras, afastando-os, assim, do risco social.

ESCOLA DO NOVO TEMPO

Atualmente, 4.343 estudantes estão inseridos no programa de fomento às Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral Novo Tempo, em 18 escolas distribuídas em 12 municípios, que são: Porto Velho, Guajará-Mirim, Jaru, Ariquemes, Buritis, Cacoal, Ji-Paraná, Espigão d’Oeste, Pimenta Bueno, Alta Floresta do Oeste, Rolim de Moura e Vilhena.

De acordo com a Secretaria de Estado da Educação, as escolas que fazem parte do Programa Escola do Novo Tempo tem o papel de preparar o aluno com ações inovadoras, buscando o seu desenvolvimento socioemocional, a fim de torná-lo capaz de agir e tomar decisões desempenhando o papel de um jovem protagonista em ações voltadas para o seu projeto de vida. Essa medida foi implantada na lei de criação, nº 940/2017.

O eixo central do Programa Escola do Novo Tempo tem o “Projeto de Vida” em sua matriz curricular e possui 21 componentes (disciplinas) articulando-se em ações para fortalecer o estudante. Metodologia de ensino em Rondônia que tem sido referência para outros estados e apresenta excelentes resultados desde a sua implantação ocorrida em 2017.

Em 2019, o Programa foi destaque por apresentar o melhor resultado em notas e taxas de aprovação no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), na região Norte, onde nove das dezoito escolas estaduais de Ensino Médio em tempo integral do Governo de Rondônia ficaram posicionadas no ranking entre as dez melhores do Estado.

Nessa perspectiva de crescimento e por apresentar uma metodologia de trabalho diferenciada, em 2020, veio a adesão ao programa de mais sete unidades escolares, segundo dados da Secretaria de Educação.

PANDEMIA

Em 2020, a Educação precisou se reinventar, independente da modalidade ou etapa de ensino. Não foi diferente com as escolas de Ensino Fundamental e de Ensino Médio que ofertam Educação Integral. Professores, com o intuito de cumprirem seu papel de educar, não evitaram esforços para manter a qualidade de suas aulas.

Seguindo as orientações da Seduc, conforme todas as legislações vigentes para o período de pandemia, as escolas ofertaram atividades mediadas pela tecnologia de informação e comunicação nas plataformas de forma online ou offline, para aqueles com acesso à internet e os que não possuíam, foram atendidos com atividades impressas.

Para a Secretaria de Estado da Educação, a pandemia propiciou e acelerou a revelação de profissionais de excelência nas escolas de tempo integral. Professores dedicados não mediram esforços para auxiliar seus alunos, a fim de que esses não fossem prejudicados pelos efeitos da Covid -19 .

MATRÍCULAS

Para as escolas de Ensino Integral da rede estadual, o procedimento de matrícula é o mesmo estabelecido para todas as unidades escolares, de maneira online pelo endereço eletrônico: reservadevagaonline.seduc.ro.gov.br. Durante o cadastro, que iniciou dia 20 e segue até 24 de janeiro, o responsável poderá escolher a unidade escolar mais próxima da residência do aluno. Dos dias 25 a 29 de janeiro, o responsável deverá efetivar a matrícula na plataforma eletrônica. O responsável pelo aluno só irá à unidade de ensino caso seja solicitada a entrega de documentos, isso será feito por agendamento. Por isso, é importante os responsáveis responderem corretamente os dados telefônicos e de e-mails.

Fonte - 010 - SECOM - GOV/RO

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.