News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021

Livre

AUXÍLIO EMERGENCIAL: 3,5 milhões de beneficiários dos ciclos 5 e 6 podem sacar até R$ 2,4 bi a partir desta segunda-feira (11/01)

Ainda é possível movimentar o saldo pelo Aplicativo CAIXA Tem
Segunda-Feira, 11 de Janeiro de 2021 - 15:17

A partir desta segunda-feira (11/01), cerca de 3,5 milhões de beneficiários do Auxílio Emergencial e do Auxílio Emergencial Extensão nascidos em maio podem sacar ou transferir os recursos da Poupança Social Digital. Foram creditados R$ 2,4 bilhões para esses públicos nos ciclos 5 e 6 de pagamentos do Auxílio Emergencial.

Desse total, R$ 2,2 bilhões são referentes às parcelas do Auxílio Emergencial Extensão e o restante, R$ 200 milhões, às parcelas do Auxílio Emergencial.

Como realizar o saque em espécie:

É preciso fazer o login no App CAIXA Tem, selecionar a opção "saque sem cartão" e "gerar código de saque". Depois, o trabalhador deve inserir a senha para visualizar o código de saque na tela do celular, com validade de uma hora. O código deve ser utilizado nos caixas eletrônicos da CAIXA, nas unidades lotéricas ou nos correspondentes CAIXA Aqui.

Atendimento:

Os saques em dinheiro podem ser feitos nas lotéricas, correspondentes CAIXA AQUI ou nas agências.

Continua disponível aos beneficiários a opção de utilização dos recursos creditados na Poupança Social Digital para a realização de compras, por meio do cartão de débito virtual e QR Code, pagamento de boletos, contas de água, luz, telefone, entre outros serviços. Também está disponível no aplicativo CAIXA Tem a funcionalidade de pagamentos sem cartão nas cerca de 13 mil unidades lotéricas do banco.

Saiba mais: Confira no site da CAIXA alguns tutoriais de como receber e movimentar o Auxílio Emergencial no CAIXA Tem:

http://www.caixa.gov.br/auxilio/tutoriais/Paginas/default.aspx.

Fonte - 010 - imprensa caixa

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.