News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Terça-Feira, 24 de Novembro de 2020

18 anos

Polícia Civil investiga sequestro de Vereador de Alto Paraiso; vítima foi torturada

Existe a suspeita que a motivaçãoseria a disputa eleitoral para Prefeito
Sabado, 07 de Novembro de 2020 - 11:49

Informações levantadas pela equipe de reportagem do site Ariquemes190 e Canal 35, dão conta que a guarnição da Polícia Militar foi acionada a comparecer na manhã desse sábado, 07/11, na Unidade de Saúde de Alto Paraíso, onde segundo informações teria dado entrada uma pessoa apresentando vários hematomas e cortes na cabeça. De imediato os PMs foram ao local, onde se depararam com a vítima Anderson Santana de Oliveira recebendo atendimento médico.

Ao questionarem a vítima sobre o que teria ocorrido, o mesmo relatou que havia saído de uma reunião partidária e estava indo buscar seu filho, que estava na casa de um amigo, quando ao chegar próximo a uma lavoura de soja na Avenida Guerino Zanardi, foi fechado por uma caminhonete de cor preta, onde saíram quatro elementos encapuzados e renderam o mesmo.

No interior do veículo Anderson teria sido ameaçado a abandonar a campanha do candidato a Prefeito Marcos Froes. Ao chegar em uma localidade Anderson teria sido retirado do interior da caminhonete, onde foi ali torturado com chutes e pontapés, além de receber golpes aparentemente de objeto cortante na cabeça. 

Em um momento os quatro elementos discutiam a cerca de matar a vítima ou não. Anderson foi abandonado próximo ao cemitério municipal e a caminhonete tomou rumo ignorado, sendo que o Vereador pediu ajuda e foi socorrido à unidade de saúde local. A vítima relatou ainda que vem sofrendo constantes ameaças devido à opção partidária ao qual mesmo aderiu.

A Polícia Civil já iniciou as investigações para saber se as agressões tem ligação com o pleito eleitoral e identificar os agressores.

Fonte - ariquemes190.com.br
Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.