News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Terça-Feira, 24 de Novembro de 2020

Livre

Projeto Capital Empreendedor 2020 chega à reta final

Uma startup de Rondônia, voltada para a área de educação, está entre as finalistas
Sexta-Feira, 06 de Novembro de 2020 - 20:27

A 3ª edição do Projeto Capital Empreendedor, liderado pelo Sebrae, está chegando à sua reta final. Nesta última etapa, chamada de Circuito de Investimento, que acontece entre os dias 16 e 18 de novembro, é o momento em que as empresas finalistas vão sentar à mesa (virtualmente) com investidores para apresentar seus negócios. Rondônia, que participa pelo segundo ano, chega à final com quatro representantes, sendo um do estado e três convidados da Bahia.

“Esse é um projeto em que a gente trabalha com as startups por meio de workshops e mentorias comportamentais, mentorias de negócio, de internacionalização, de pitch, de dados produtos e grow, de aspectos jurídicos e governança. Nosso trabalho é preparar essas empresas para se aproximarem dos grandes investidores. No Circuito de Investimento, teremos mais de 100 investidores do Brasil, que poderão ter contato virtual com as startups. É um network muito valioso para os empreendedores, e na maioria das vezes, rende bons frutos para as startups”, explica Liliane Cougo, gestora do projeto no Sebrae em Rondônia.

E quem está ansioso por esse momento é o Erik Guimarães, da startup NEDU, desenvolvida para ajudar escolas e faculdades a combaterem os riscos de evasão escolar e de insucesso acadêmico. NEDU é a representante de Rondônia este ano.

“Para nós significa muito este momento. Pois devido à participação no circuito, aumentamos o nosso conhecimento e amadurecimento, e por causa disso, já estou em contato com dois possíveis investidores, e estamos em negociação, inclusive. Mas, para que chegássemos até aqui, o Sebrae foi um apoio muito forte. Não é só um portal de conhecimento, é muito mais: são pessoas interessadas em fazer o negócio crescer. Para nós foi um suporte fundamental pra chegar onde estamos agora”, afirma Erik Guimarães – CEO da NEDU.

A Wavemob é outra startup que chegou à final. Criada para resolver problema de conectividade à internet para empreendedores de áreas remotas ou zonas rurais, ligados ao agronegócio, e a empresários da área de eventos, a empresa já começa a vislumbrar novos horizontes com a chegada dos investidores.

“A participação no Projeto Capital Empreendedor 2020 foi de extrema importância para nós da Wavemob. Através das mentorias, foi possível identificar oportunidades de melhorias e ajustar nosso negócio para continuar crescendo em ritmo acelerado”, afirma Pedro Dornas, CEO da Wavemob.

Amadurecimento e visão de futuro são os sentimentos de Marcos Antônio da GIIROMAPS, outra startup finalista do Capital Empreendedor deste ano.

“O Capital Empreendedor foi uma ótima experiência e fundamental para o amadurecimento da nossa startup. A gente teve acesso a ótimos mentores, o que nos permitiu enxergar o caminho a ser seguido com mais clareza; a investidores que nos ajudaram a saber o que é necessário para sair do estado atual até receber o investimento, e assim levar a nossa solução a mais pessoas”, comenta Marcos Antônio de Souza Silva – CEO da GIIROMAPS.

Mesmo para quem não foi selecionado para as próximas etapas, o programa trouxe resultados expressivos, e o sentimento é de gratidão pela oportunidade.

“O Capital Empreendedor foi importante para o meu crescimento nos últimos meses. Foi uma oportunidade muito positiva de entendimento, amadurecimento e desenvolvimento do meu negócio. Tive muito apoio da equipe do Sebrae em Rondônia, o pessoal foi muito atencioso. Foi um programa que realmente impulsionou as minhas operações, não só na parte prática e operacional, mas na parte de conexões, também: consegui me conectar com pessoas muito capacitadas que me ajudaram bastante, e são conexões que ficam além do programa”, comenta Gabriel Novelli da Startup OrçaAqui.

Gratidão, também, para Daniel Almeida, fundador da Odissea, uma startup focada em soluções de bem estar físico e mental. “Mesmo a Odissea já tendo passado por outros excelentes programas de aceleração, nossa participação no Capital Empreendedor tem sido fundamental para o amadurecimento do negócio. Através do programa, nos conectamos a uma ampla rede de contatos de especialistas de mercado, investidores e fundadores de startups de sucesso, que através de sessões dedicadas de mentoria, têm feito toda a diferença para o crescimento e destaque do nosso negócio”, afirma Daniel Almeida.

O projeto Capital Empreendedor é um programa que aproxima empreendedores de startups e investidores. Para as empresas finalistas, o atendimento será continuado no ano que vem, por meio de mentorias nos temas: Marketing, Comportamental, Analytics e Scale Up, Internacionalização e Jurídica.

Saiba mais sobre as ações do Sebrae: acesse o site www.sebrae.ro ou ligue gratuitamente para 0800 570 0800. Você também pode acessar o Sebrae pelo WhatsApp pelo mesmo número. Siga o Sebrae em Rondônia nas redes sociais: Instagram, Facebook, Twitter, LinkedIn e YouTube.

Fonte - Assessoria
Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.