News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Quinta-Feira, 03 de Dezembro de 2020

Livre

Servidores da Educação celebram esforços do Governo na valorização da classe em Rondônia

O investimento é de aproximadamente R$ 35 milhões, que além de valorizar ainda mais os professores, será uma injeção de recurso que vai fomentar a economia do Estado.
Quarta-Feira, 28 de Outubro de 2020 - 11:27

O mês que comemora o Dia do Servidor Público é também o escolhido para contemplar os profissionais da Educação com a diferença retroativa do salário (piso), referente aos meses de janeiro à junho, através do Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc). Ao todo, serão beneficiados 14.693 professores da Educação Estadual.

Francisco Márcio Guedes dos Santos, trabalha na Escola Estadual Tiradentes de Jaci-Paraná, a 90 km da capital Porto Velho, e leciona as matérias de matemática e física. Servidor no Governo desde 1989, está prestes a se aposentar e contou que nesses últimos anos, muito já começou a mudar.

“Pelo pouco tempo deste Governo já percebi que o governador se preocupa com essa questão da valorização, e irá pagar o nosso retroativo em relação às perdas que tivemos durante muitos anos, a referência fazia muito tempo que estava parada, então irá mudar muito nosso salário”, relata o professor.

O investimento é de aproximadamente R$ 35 milhões, que além de valorizar ainda mais os professores, será uma injeção de recurso que vai fomentar a economia do Estado.

“Esse recurso ajudou porque agora na pandemia muitos professores tiveram que se atualizar para poder lecionar e precisaram investir em recursos tecnológicos, como aparelhos de celulares, internet, computador e tudo para poder atender os alunos de casa, sem contar que neste período as coisas aumentaram muito, esse dinheiro vai aliviar um pouco essa tensão que estamos enfrentando nessa pandemia, e isso afeta muito nosso psicológico”, disse Andrelino Moraes de Souza, diretor da escola Juscelino Kubitschek de Oliveira em Porto Velho.

O diretor explicou que o pagamento retroativo do piso salarial da Educação, “agora é por referência, então a referência do servidor público muda de dois em dois anos, um aumento de dois pontos percentuais. Dependendo do ano de serviço que ele está, ficará em uma determinada referência. Em governos anteriores nunca mudaram essa referência, então tínhamos profissionais com mais de 20 anos de serviço, mas estavam na referência 1, quando deveriam estar na referência 5, e agora com a equiparação do piso nacional essa realidade vai mudar”, completou Andrelino.

O secretário de Estado da Educação, professor Suamy Vivecananda, esclareceu que os servidores aposentados e pensionistas que têm direito à concessão dos mesmos aumentos e reajustes atribuídos aos servidores ativos (direito à paridade), também serão contemplados com o reajuste de 12,84%.

De acordo com o secretário da Seduc, tudo está alinhado para o pagamento do valor total retroativo à diferença do piso salarial aos profissionais da Educação do Estado.

“O Governo do Estado tem trabalhado e se esforçado para trazer melhorias para Rondônia e mesmo diante do difícil cenário causado pela pandemia, firmou o compromisso por meio do Decreto n° 25.296, de 13 de agosto de 2020, e vai pagar o valor total retroativo da diferença do piso salarial aos professores do Estado” ressalta, Suamy.

Fonte - 010 - SECOM - GOV/RO

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.