Livre

Prefeito de Humaitá é gravado dizendo que comprou cinco vereadores por 50 mil reais cada e MP investiga

O Inquérito Civil, tem como objeto averiguar a prática de improbidade administrativa geradora de enriquecimento ilícito e dano ao erário
Terça-Feira, 22 de Setembro de 2020 - 18:44

Um vídeo com áudio vazado, onde supostamente o prefeito de Humaitá HERIVANEO SEIXAS, conversa com um interlocutor e fala que já deu 50 mil reais para um determinado vereador e que outros 4 já teriam recebido a mesma quantia, viralizou nas redes sociais da cidade.

O vídeo chegou até o Ministério Público do AM que pela gravidade da denúncia, instaurou inquérito civil para apurar as denúncias contra o prefeito e os vereadores citados no referido áudio.

Segundo o MP, o Sr. Herivaneo Vieira de Oliveira, ofereceu vantagem econômica, no importe de R$ 50.000,00, a vereadores, dentre eles, os vereadores conhecidos como “Paizinho” (Humberto Neves Garcia), Samuel da Colônia (Samuel Mendonça de Moraes), Bem-Te-Vi (Raimundo José Cruz Santiago).

Veja vídeo clicando aqui

O Inquérito Civil, tem como objeto averiguar a prática de improbidade administrativa geradora de enriquecimento ilícito e dano ao erário em razão da notícia de que o prefeito Herivaneo Seixas, em pleno exercício do cargo de prefeito, ofereceu vantagem econômica aos vereadores conhecidos como “Paizinho”, Samuel da Colônia  e Bem-Te-Vi. 

"O Roberto Rui que é o bandidão, meu irmão tem esse vicio de toda vez querer ser candidato... o Roberto me exigio 250 mil reais em dinheiro... vou pegar mais 4 vereadores que já fecharam comigo e vou dar 50 paus pra cada um...o Paizinho já pegou ontem o dele e vai tocar a campanha dele..."

VEJA O PROCEDIMENTO INSTAURADO PELO MP/AM

Fonte - Carlos Caldeira - NewsRondônia

Comentários

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.