Segunda-Feira, 31 de Agosto de 2020 - 14:41 (Geral)

L
LIVRE

CORREIOS: Selo postal marca o Dia Nacional do Voluntariado

As cores nacionais, verde e amarelo, realçam a imagem e também são uma forma de reconhecer e valorizar o altruísmo e a solidariedade do povo brasileiro.


Imprimir página

Os Correios lançaram, na sexta-feira (28), o selo personalizado e o carimbo comemorativo alusivos ao Dia Nacional do Voluntariado. O lançamento, que foi conduzido pelo presidente dos Correios, Floriano Peixoto, ocorreu no Palácio do Planalto, em Brasília, e contou com as presenças do presidente da República, Jair Bolsonaro, e da primeira-Dama, Michelle Bolsonaro, entre outras autoridades e convidados.

Para incentivar o engajamento e a participação dos brasileiros em atividades solidárias e filantrópicas, o Governo Federal criou o programa Pátria Voluntária. Com objetivo de facilitar o encontro entre organizações que ofertam oportunidades de trabalho voluntário e pessoas interessadas em doar seu tempo, uma plataforma nacional foi desenvolvida, em formato de rede social. Mais de 600 instituições estão cadastradas na ferramenta e milhares de cidadãos já foram beneficiados pelas iniciativas de voluntariado.

A presidente do conselho do Pátria Voluntária, primeira-dama Michelle Bolsonaro, enumerou algumas das parcerias exitosas viabilizadas pelo programa e sobre como esse trabalho dos voluntários tem ajudado a mudar vidas. "Em todos esses lugares, foram os voluntários e os doadores que tornaram essas ações possíveis. Graças a eles, as pessoas atendidas tiveram a oportunidade de sonhar com um futuro melhor, mais justo e com mais qualidade de vida", disse.

O presidente dos Correios, Floriano Peixoto, destacou que a emissão do selo personalizado é mais uma demonstração simbólica da parceria estabelecida entre a estatal e o programa. "É com grande satisfação que os Correios ressaltam, por meio deste selo, a importância do serviço voluntário e do trabalho que todos os cidadãos engajados realizam Brasil afora, nesta nobre causa social", comentou.

O selo lançado estampa a logomarca do programa governamental. A imagem é inspirada no sinal em Libras, que significa "eu te amo", mensagem que traz o sentido de amor ao próximo. Este mesmo sinal estampará a emissão especial a ser lançada em setembro, pelos Correios, em homenagem à língua de sinais.

As cores nacionais, verde e amarelo, realçam a imagem e também são uma forma de reconhecer e valorizar o altruísmo e a solidariedade do povo brasileiro.

A peça filatélica, além de celebrar a data nacional, também estará disponível para venda na loja online ou a pedido, nas lojas dos Correios.

Responsabilidade social – Por meio do programa Pátria Voluntária e do projeto Ecopostal, promovido pelos Correios, a estatal formalizou, em maio deste ano, a doação de cerca de 75 mil itens, até junho de 2021, de camisas de carteiros, malas e malotes postais inservíveis à empresa. O material tem sido reaproveitado para diferentes finalidades sociais.

O Instituto Socioeducativo Atleta Bom de Nota, de Curitiba/PR, por exemplo, já recebeu mais de mil peças para a confecção de máscaras e bolsas, que foram distribuídas às famílias assistidas pelo instituto.

Também com o material doado pelos Correios, a organização social Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais (BPW), de Brasília, promove oficinas de corte e costura para capacitar mulheres vítimas de violência doméstica e em situação de vulnerabilidade. A associação confecciona kits de proteção, que são comercializados por valores simbólicos. A renda ajuda na aquisição de cestas básicas que são distribuídas às famílias atendidas pelo projeto.

Os Correios também são responsáveis por uma das maiores ações solidárias do país: o Papai Noel dos Correios. Em 30 anos de campanha, a iniciativa conseguiu atender mais de 6 milhões de cartinhas enviadas por crianças de todo o país. Com o apoio dos empregados e de voluntários da sociedade, o projeto atende os pedidos de presentes de alunos de escolas públicas e crianças que se encontram em situação de vulnerabilidade social.

Fonte: DCORE/Gerência de Comunicação

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias