Terça-Feira, 25 de Agosto de 2020 - 12:06 (Geral)

L
LIVRE

MALHA VIÁRIA - Gestão na Estrada desenvolve trabalhos de manutenção na região central de Rondônia

De acordo com o residente regional, engenheiro Klayson Furtado, as frentes de serviço do DER estão trabalhando conforme um planejamento anual estabelecido para a execução de obras.


Imprimir página

Por meio do Projeto Gestão na Estrada, estão sendo realizados aterros das cabeceiras da ponte sobre o rio Urupá, na RO-135, e cabeceiras da pista do Aeroporto José Coleto, a construção de novo traçado na estrada vicinal que margeia o aeroporto, a abertura de uma ciclovia no Anel Viário, além dos serviços de recuperação e manutenção da malha viária sob responsabilidade do Governo de Rondônia. Estes são alguns dos trabalhos que as equipes da 8ª Residência Regional e Usina de Asfalto do Departamento de Estradas de Rodagem e Transportes (DER) vêm executando em Ji-Paraná, região central do Estado.

De acordo com o residente regional, engenheiro Klayson Furtado, as frentes de serviço do DER estão trabalhando conforme um planejamento anual estabelecido para a execução de obras. “Apesar da crise provocada pela pandemia da Covid-19, estamos conseguindo contornar os problemas com o apoio da direção do DER, que vem trabalhando para que a gente consiga manter o ritmo de trabalho”, destaca o engenheiro.

Com uma metodologia de gestão planejada de recuperação e manutenção das rodovias estaduais, a Coordenadoria de Operações e Fiscalização do DER tem articulado forças-tarefas entre as residências regionais para otimizar os recursos financeiros e dar celeridade na execução das obras.

O diretor-geral do DER, Elias Rezende, exemplifica isto com o trabalho que vem sendo feito na RO-470, entre Ouro Preto do Oeste e Vale do Paraíso.

“São 36 quilômetros de um pavimento que estava em péssimas condições já há muitos anos. Com o apoio fundamental do governador Marcos Rocha, que está acompanhando de perto a evolução dos trabalhos, uma força-tarefa com maquinários e servidores de diversas regionais está fazendo a diferença na RO-470, com a Usina de Asfalto do DER de Ji-Paraná à frente”, detalha o diretor-geral do DER.

TRABALHO DE QUALIDADE

A malha viária sob responsabilidade da 8ª Residência Regional do DER em Ji-Paraná se estende ao longo de mais de 300 quilômetros de vias não pavimentadas e cerca de 100 quilômetros asfaltados. A equipe de campo está atualmente trabalhando na recuperação de um trecho de 52 quilômetros da RO-472, conhecida localmente como Linha 94. Estão sendo realizados os trabalhos de reconformação de plataforma (patrolamento), recomposição de revestimento primário (encascalhamento), limpeza lateral e serviços de drenagem.

Para Elias Rezende, tudo isto só é possível graças à filosofia de trabalho e gestão implantada pelo governador Marcos Rocha. No DER, as ações estão voltadas à padronização, com vistas à qualidade dos resultados, “desde a identificação de prioridades, garantia do melhor uso dos materiais e equipamentos até a valorização do quadro técnico e operários. Assim, a missão de alcançar melhores resultados, gerar economia, evitar desperdícios de materiais e retrabalho é concretizada no que estabelecemos como Projeto Gestão na Estrada”, finaliza o diretor-geral.

Texto: Luiz Augusto Rocha
Fotos: Luiz Augusto Rocha

Fonte: 010 - SECOM - GOV/RO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias