Segunda-Feira, 24 de Agosto de 2020 - 10:52 (Geral)

L
LIVRE

SUSTENTABILIDADE: Fórum Amazônia +21 aborda financiamento na quarta-feira

Cooperação internacional, fomento público e mecanismos de alavancagem para o desenvolvimento da Amazônia também estarão nos debates


Imprimir página

A preparação para o Fórum Internacional Amazônia+21, que acontece em novembro, está sendo feita por meio de encontros prévios. Nesta quarta-feira (26) haverá dois painéis, a partir das 9h, sobre financiamento. O Funding, isto é, a fonte de recursos utilizada pelos bancos para poder pagar o financiamento utilizado pelos seus clientes será o tema desta edição.

Os debatedores tratarão dos recursos de capital disponíveis para a região e condições de acesso, de forma a atrair e promover novos negócios e empreendimentos de alto impacto, impulsionar negócios existentes e viabilizar o desenvolvimento sustentável e inclusivo da Amazônia. O evento segue o horário oficial de Brasília.

O encontro, totalmente online, debaterá as "Alternativas de Funding Privado para Projetos e Negócios de Impacto na Amazônia" (9h às 10h30) e de "Cooperação Internacional, Fomento Público e Mecanismos de Alavancagem para o Desenvolvimento da Região Amazônica" (11h às 12h30). A mediação será feita pelo presidente da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero), Marcelo Thomé, que também preside a Agência de Desenvolvimento de Porto Velho (ADPVH).

Participarão ainda do painel: Alexis Bastos (Centro de Estudos Rio Terra), Eugênio Pantoja (Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia), Victor Salviati (Fundação Amazônia Sustentável), Julia Ambrosano (Climate Bonds Initiative) e Gabriel Azevedo (Banco Interamericano de Desenvolvimento). A ideia é ouvir as experiências de instituições locais que têm feito a diferença na vida das pessoas e também sobre a vida na Amazônia e contextos locais e novas oportunidades para o desenvolvimento da região.

Já no segundo painel, participam: Igor Calvet (Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial), Ygnacio Ibáñez (União Européia no Brasil), Cecilia Guerra (Banco de Desenvolvimento da América Latina), Morgan Doyle (Banco Interamericano de Desenvolvimento) e Gustavo Montezano (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social).

Neste debate, a proposta é perceber o olhar das instituições e as demandas da região amazônica, possibilidades e mecanismos de cooperação e acesso a recursos.

NOVAS EDIÇÕES

De acordo com a programação devem ocorrer ainda dois debates prévios. Um em de 23 de setembro e o outro em 14 de outubro. O norte das discussões positivas gira em torno dos eixos temáticos do Fórum Amazônia+21: negócios sustentáveis, cultura, financiamento dos programas (Funding) e ciência, tecnologia e inovação.

INSCRIÇÕES

Para ter a garantia de participação nos eventos, inscreva-se no site www.amazonia21.org. O evento tem tradução simultânea em inglês em espanhol.

SOBRE O AMAZÔNIA+21

O Fórum Internacional Amazônia+21, evento que se dará de forma virtual de 4 a 6 de novembro de 2020, tem como propósito encontrar as melhores soluções para o desenvolvimento sustentável da região amazônica. O evento é promovido pela Fiero, em conjunto com a Prefeitura de Porto Velho, através da ADPVH, com correalização da Confederação Nacional das Indústrias (CNI) e Instituto Euvaldo Lodi (IEL).

Fonte: Assessoria

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias