Quinta-Feira, 30 de Julho de 2020 - 16:18 (Economia)

L
LIVRE

Caixa anuncia novidades no crédito para pessoa física com garantia de imóvel

Modalidade será chamada de Real Fácil CAIXA e passa a valer a partir da próxima segunda-feira (03)


Imprimir página

A CAIXA divulgou, nesta quinta-feira (30), a revitalização da operação de crédito para pessoas físicas, sem destinação específica, com imóvel em garantia (linha de home equity). Denominada Real Fácil CAIXA, a modalidade tem como principal vantagem a taxa de juros reduzida em comparação a outras modalidades de crédito pessoal.

Ao contratar o Real Fácil CAIXA, o cliente pode optar pela forma de atualização do empréstimo, que poderá ser pela TR, IPCA ou Taxa Fixa. Podem ser oferecidos como garantia para o Real Fácil CAIXA, imóveis residenciais ou comerciais. Nesta primeira fase de relançamento da linha de crédito, o imóvel utilizado como garantia deve ser sem ônus.

O sistema de amortização também fica a critério do cliente, que pode escolher entre Sistema de Amortização Constante – SAC ou Sistema Francês de Amortização – PRICE. As novas condições e taxas de juros valem para novos contratos e estarão vigentes a partir da próxima segunda-feira (03/08):

A contratação poderá ser feita nas Agências da CAIXA e nos Correspondentes CAIXA Aqui. O cliente pode realizar simulações pelo site da CAIXA www.caixa.gov.br, onde é possível comparar os juros e condições para o empréstimo, que variam de acordo com o relacionamento do cliente com o banco e com as características escolhidas para a operação.

De acordo com o presidente da CAIXA, Pedro Guimarães, "as novas condições têm como objetivo trazer maior atratividade do produto ao cliente, sendo uma linha de crédito comercial com taxas de juros menores e prazos maiores". Segundo ele, "é uma excelente oportunidade para as famílias realizarem investimentos ou readequarem seu endividamento de curto prazo, que possui juros mais altos".

Real Fácil CAIXA - Segunda fase :

Recentemente, o Banco Central anunciou novas regras que permitem ao cliente contratar operação de crédito oferecendo como garantia imóvel que já esteja alienado fiduciariamente a uma operação de crédito junto à instituição financeira, por meio de compartilhamento.

A CAIXA, como líder do mercado de crédito imobiliário e atenta a esses movimentos, lançará na segunda fase do Real Fácil CAIXA condições que contemplarão a aceitação de imóvel com ônus como garantia de novas operações, de acordo com as novas regras anunciadas pelo regulador.

Conforme dados do BACEN, o mercado possui uma carteira de home equity de R$ 11 bi. A CAIXA é detentora de 32% desse volume, liderando o Mercado de Home Equity no Brasil.

Mais informações:

Consulte o Simulador Habitacional CAIXA no endereço: www.caixa.gov.br

Fonte: 010 - imprensa caixa

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias