Sexta-Feira, 24 de Julho de 2020 - 10:02 (Internacional)

L
LIVRE

Convenção do Partido Republicano não será mais na Flórida por causa do coronavírus, anuncia Trump

Em coletiva, presidente comunicou que delegados irão confirmar sua candidatura em Charlotte, na Carolina do Norte, como era o plano inicial. Ele também defendeu a reabertura do maior número possível de escolas no país.


Imprimir página

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta quinta-feira (23) que o Partido Republicano cancelou as atividades programadas para sua convenção nacional em Jacksonville, na Flórida, em agosto, quando ele será confirmado oficialmente candidato à reeleição.

Trump usou a coletiva sobre coronavírus da Casa Branca para dizer que os planos foram alterados justamente por causa da pandemia, já que a Flórida é um dos estados mais afetados no país.

A convenção será realizada em Charlotte, na Carolina do Norte, como previa o plano inicial.

“Não iremos fazer uma grande convenção lotada per se, simplesmente não é a hora certa para isso”, disse Trump. “Os delegados farão a nomeação na Carolina do Norte...eu farei um comício na convenção em um formato diferente”, acrescentou, sem entrar em detalhes.

Escolas

Trump usou a coletiva também para defender a reabertura do maior número possível de escolas nos Estados Unidos. Segundo ele, a preocupação principal durante o processo é proteger professores e alunos, e por isso as precauções de higiene e distanciamento social devem ser intensas.

Mas, de acordo com o presidente, o afastamento das escolas dificulta o diagnóstico de problemas de aprendizado e também atrapalha que profissionais percebam quando crianças e jovens são vítimas de abusos de vários tipos no ambiente doméstico.

Ele informou ainda que pediu ao Congresso para incluir no pacote de alívio econômico do coronavírus uma verba de US$ 105 bilhões destinada a escolas. Esse dinheiro seria usado para medidas como permitir turmas menores, contratação de auxiliares de professores, reorganizar espaços para distanciamento social e compra de máscaras.

No caso de escolas que não forem reabertas, Trump disse que a verba deve então "ser enviada ao aluno, para que os pais e as famílias controlem suas próprias decisões".

"Se as escolas não reabrirem, o financiamento deve ser direcionado aos pais para enviar seus filhos para escolas públicas, privadas, charter, religiosas ou domésticas de sua escolha - a palavra-chave sendo a escolha", disse.

Fonte: G1

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias