Segunda-Feira, 13 de Julho de 2020 - 15:07 (Cidades)

L
LIVRE

Câmeras de videomonitoramento são reinstaladas no município de Machadinho D’Oeste

Sesdec destaca que reativação das câmeras faz parte do Plano Estratégico para tornar o Estado mais seguro.


Imprimir página

O Plano Estratégico do Governo de Rondônia é tornar o Estado mais seguro. Em Machadinho D’Oeste, a Secretaria Estadual de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec) recebeu apoio do Conselho de Segurança Pública (Conseg) para reinstalar 11 câmeras de videomonitoramento em pontos da cidade com maior incidência de crimes e circulação de pessoas.

Há cinco anos, a Presidente do Conselho de Segurança Pública do município, Madalena Teresinha Strack Petyk, busca parcerias para sanar problemas, entre eles a reativação das câmeras de videomonitoramento.

“A nossa parte para voltar a funcionar adequadamente todas as câmeras, ficou em torno de R$ 10 mil. Com esse dinheiro houve a aquisição de rádios e compra de nobreak’s, que são fontes de energia ininterrupta que regula a voltagem de energia até os eletrônicos que ficam na sala de videomonitoramento”, contou Madalena.

A Secretaria de Segurança Pública participou com a manutenção das câmeras, que estavam desativadas há quase cinco meses devido às reformas que foram feitas no quartel da 2ª Companhia do 8º Batalhão da Polícia Militar de Machadinho D’Oeste. Todas as câmeras foram distribuídas em pontos estratégicos da cidade.

A reinstalação do sistema de monitoramento aconteceu no último dia (10) e contou com a presença do secretário da Sesdec, coronel José Hélio Cysneiros Pachá, que destacou essa reativação como Plano Estratégico do Governo de Rondônia para tornar o Estado mais seguro e agradeceu o apoio do Conseg de Machadinho D’Oeste.

“Por determinação do governador Marcos Rocha, estamos investindo em tecnologia. As informações da Central de Videomonitoramento agora estão sendo compartilhadas entre as polícias Civil e Militar de Machadinho. A Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) recebe todos os dados monitorados. Essa integração entre os policiais facilita o trabalho de enfrentamento à criminalidade”, finalizou Pachá.

Léia Castro

Fonte: Secom/gov-ro

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias