POLÍCIA FEDERAL X CORRUPÇÃO, POR BRUNO EDUARDO

A solidariedade, o amor ao próximo e o compromisso com a comunidade, com a cidade, com o país em que a gente vive.
Quarta-Feira, 10 de Junho de 2020 - 14:32

A operação da Polícia Federal hoje em Porto Velho e em outras cidades de Rondônia e do Brasil revelou uma situação que eu já temia: que é o aumento da corrupção nesses tempos de pandemia. 

A liberação para que os governos e prefeituras comprem sem licitação, por conta da situação de calamidade pública, abriu de fato uma porta para a corrupção.

O superfaturamento de respiradores e equipamentos de saúde, em plena pandemia, é uma prova da falta de caráter, de seriedade e de compromisso com o povo de muitos homens públicos – de prefeitos e governadores pilantras que são verdadeiros assassinos do povo.

É um absurdo que isso ocorra enquanto pessoas estão morrendo em casa e nos hospitais.

É por isso que eu digo que a corrupção mata mais do que qualquer pandemia. Porque quem rouba dinheiro da saúde e da educação, rouba a vida e o futuro de nossa gente.

A verdadeira pandemia do Brasil é a corrupção. E pra acabar com isso só mesmo com o fortalecimento dos mecanismos de controle e maior transparência na gestão pública.

Parabéns ao Ministério Público e a Polícia Federal pela Operação Ductil, por agirem com rapidez na prisão desses bandidos disfarçados de gestores públicos. 

Esses empresários e gestores públicos que querem lucrar com a pandemia, com uma doença que está mantando as pessoas de bem, merecem morrer na cadeia. 

Rondônia está recebendo hoje 120 respiradores do governo federal. Eu acho que uma coisa que deveria ter sido feita desde o início é isso: centralizar no governo federal a compra desses equipamentos – de forma transparente e com prestação de contas em tempo real.

Ao abrir a possibilidade para que prefeitos e governadores fizessem essa compra de forma isolada, criou-se um verdadeiro balcão de negócios dos oportunistas de plantão.

O balcão de negócios é mais uma demonstração de que estamos sem rumo no combate a pandemia. Qualquer um faz o que quer e estamos sem direção, empilhando corpos e sem saber quando poderemos abraçar nosso irmão, nosso familiar e os amigos.

A solidariedade, o amor ao próximo e o compromisso com a comunidade, com a cidade, com o país em que a gente vive.

É bom que esses bandidos tenham sido desmascarados. Essa malandragem e a corrupção precisam ser combatidas e com mais força do que estamos combatendo a pandemia.

Vamos aproveitar essa pandemia para fazermos a transição para um mundo melhor, mais justo. Esse é o grande recado que devemos tirar dessa situação. 

A nossa presença no mundo precisa ser repensada. A solidariedade e o compromisso com a vida em sociedade, com mais harmonia, honestidade e paz, são os caminhos.

Vamos trilhar juntos esse caminho do bem!

Fonte - News Rondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.