GOVERNADOR REALÇA TÍTULO DE CIDADÃO DE RONDÔNIA CONCEDIDO AO CONSELHEIRO EDILSON DE SOUSA E AO DESEMBARGADOR RENATO MIMESSI

Marcos Rocha destacou a propositura do deputado Laerte Gomes e aproveitou para mais uma vez elogiar as ações que tem adotado à frente da presidência da Assembleia Legislativa em prol do desenvolvimento do Estado.
Quinta-Feira, 26 de Setembro de 2019 - 15:29

A concessão de título honorífico de Cidadão do Estado de Rondônia tanto para o presidente do Tribunal de Contas de Rondônia (TCE-RO), conselheiro Edilson de Sousa Silva, quanto para o vice-presidente do Tribunal de Justiça,  desembargador Renato Martins Mimessi, durante solenidade ocorrida no final da tarde de quarta-feira, 25, na Assembleia Legislativa de Rondônia, foi recheada de elogios e admiração por parte de todos os presentes que participaram do evento. O governador do Estado, coronel Marcos Rocha, enalteceu a postura e trabalho desempenhados por ambos homenageados citando o comprometimento, que garantiu a extrema e exemplar justiça proposta pelo presidente do Legislativo Estadual, deputado Laerte Gomes.

Marcos Rocha destacou a propositura do deputado Laerte Gomes e aproveitou para mais uma vez elogiar as ações que tem adotado à frente da presidência da Assembleia Legislativa em prol do desenvolvimento do Estado. Em seguida, o governador exaltou alguns feitos dos homenageados, deixando clara a admiração pela forma que conduzem suas atividades. “Aquilo que fazemos com o coração, ganhamos mais de Deus. A Assembleia Legislativa rende homenagem a essas duas grandes pessoas por tudo que têm feito pelo nosso Estado. Os merecidos títulos são resultados da perseverança e a forma com sabedoria que conduzem suas atribuições. O desembargador Renato Mimessi, muitos não sabem, mas já congregamos juntos numa mesma igreja e lembro-me que ele sempre dava bons conselhos orientando a todas as pessoas. Rendo homenagem também ao conselheiro Edilson que podemos exaltar vários feitos, pela pessoa digna e justa”, argumenta Marcos Rocha.

O governador lembrou o recente fato inédito, quando foi chamado pelo conselheiro Edilson e recebeu a notícia de que o Tribunal de Contas garantiu R$ 50 milhões que serão revertidos exclusivamente às obras do novo Hospital de Urgência e Emergência (que irá substituir o Hospital João Paulo II), visando possibilitar a oferta de um serviço de saúde em instalações com condições mais dignas à população.

O conselheiro Edílson de Sousa Silva é maranhense de Timon, filho de Eunice e Jediael Silva. Formou-se em Direito pela Faculdade de Ciências Humanas, Exatas e Letras de Rondônia (Faro), e especialista em Direito Público pela Universidade do Rio de Janeiro (Unigranrio). Ingressou na Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia, em 1983, onde desempenhou as funções de chefe de departamento, assessor de deputado e a chefia de gabinete da presidência desta casa. Também foi secretário particular do governado Oswaldo Piana Filho por quatro anos, chefe de gabinete da presidência do TCE/RO, durante as gestões do presidente Hélio Máximo de Souza e Amadeu Machado.

O desembargador Renato Mimessi nasceu em junho de 1956, na cidade de Assis (SP). Formou-se em Direito em 1978, pela Faculdade de Direito do Município de Marília, mantida pela Fundação de Ensino Eurípedes Soares da Rocha. Ele foi aprovado no 5º Concurso Público, para o ingresso na carreira da Magistratura do Estado de Rondônia e nomeado Juiz de Direito da 4ª Seção Judiciária com sede na comarca de Cacoal, 2ª Entrância, permanecendo de 1982 a 1983. Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia desde 19 de maio de 1992, membro também da 2ª Câmara Especial. Exerceu como Juiz de Direito da 3ª Vara Civil da Comarca de Porto Velho no período de 1986 a 1991, bem como Juiz de Direito da Vara da Fazenda Pública, Falências e Concordatas no período de 1991 a 1992, sendo vice-presidente do Tribunal de Justiça de Rondônia no biênio de 1994 a 1995. Já no biênio de 1996 a 1997 foi nomeado presidente do órgão de Justiça, mesmo período em que foi vice-presidente do Colégio de Presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais do Brasil. Nos anos 2000 e 2001, novamente ocupou o cargo de presidente do TJ.

Também participaram da solenidade o ex-governador de Rondônia, Oswaldo Piana Filho; o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Rondônia (OAB/RO), Elton Assis; o presidente do Tribunal de Justiça de Rondônia, desembargador Walter Waltenberg; o  presidente do Conselho Superior, defensor público-geral, Hans Lucas Immich.

Fonte - 015 - Secom - Governo de Rondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.