APROVADA LEI DE AUTORIA DE CRISTIANE LOPES QUE CRIA CENTRAL DE INTÉRPRETE

De acordo com dados do IBGE de 2010, comunidade surda em Porto Velho é composta por mais de 8 mil pessoas.
Sexta-Feira, 28 de Junho de 2019 - 16:42

Foi aprovado com 14 votos favoráveis e 7 ausências de plenário o Projeto de Lei de autoria da vereadora Cristiane Lopes (PP), que cria a Central Municipal de Intérpretes da Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS), destinada à comunicação virtual com pessoas surdas, que tem o objetivo de assegurar o atendimento, em caráter temporário, quando o órgão público municipal não dispuser de servidor proficiente em LIBRAS.

"É uma grande satisfação contribuir para melhorar o acesso das pessoas surdas aos atendimentos que lhes são de direito de uma forma inclusiva. É muito importante que os surdos tenham esse atendimento especializado. Precisamos pensar no próximo e tornar a vida das pessoas com deficiência mais fácil", ressalta a parlamentar.

De acordo com dados do IBGE de 2010, comunidade surda em Porto Velho é composta por mais de 8 mil pessoas. E o município hoje não dispõe da acessibilidade necessária, contrariando assim a Lei Brasileira de Inclusão. "A criação desta Central é um passo muito importante para que o município comece a se adequar a Lei Nacional e além disso facilitar o acesso à informação, ao serviço público e o desenvolvimento pessoal e profissional das pessoas com deficiência", destacou Cristiane Lopes.

DIA MUNICIPAL DOS SURTOS

Cristiane Lopes também é autora do Projeto de Lei nº 3828 que cria o Dia Municipal dos Surdos, aprovado recentemente na Câmara Municipal. O objetivo é conscientizar as pessoas quanto aos desafios diários que enfrentam os cidadãos surdos na sociedade. 

Fonte - 010 - Assessoria

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.