COM MÃOS AMARRADAS, EX-PRESIDENTE DO SINTERO É ENCONTRADA APÓS SER SEQUESTRADA E TER VEÍCULO ROUBADO; VEJA O VÍDEO

A professora foi rendida e levada para o Ramal da Rema, próximo à Vila Princesa, sendo que neste percurso outro assaltante entrou no carro.
Segunda-Feira, 17 de Junho de 2019 - 16:14

Porto Velho, RO - A professora e ex presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado de Rondônia (Sintero), Claudir Matam, 54 anos, passou por momentos de tensão nesta segunda-feira (17) após ser feita de refém durante assalto. A vítima foi encontrada em uma estrada próximo à Vila Princesa, com as mãos amarradas e um pano que estava cobrindo seus olhos. 

Conforme informou a vítima, ela estava chegando no colégio onde leciona, no Bairro Teixeirão, e foi abordada por dois criminosos que estavam em um veículo. A professora foi rendida e levada para o Ramal da Rema, próximo à Vila Princesa, sendo que neste percurso outro assaltante entrou no carro. 

Um dos indivíduos empreendeu fuga com o carro da vítima, enquanto outros dois a mantinham em cárcere privado. Por fim, a professora foi deixada amarrada em uma árvore e foram embora. Após alguns minutos, a vítima conseguiu se soltar e caminhou pela estrada até ser encontrada por um motorista, que acionou a Polícia Militar. O automóvel roubado é uma pick-up Fiat Strada de cor verde e placas NDF 3096.

Fonte - News Rondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.