MAIS UM EM PORTO VELHO: FUGITIVO DO PB1 É RECONHECIDO E RECAPTURADO DURANTE BLITZ NO SERTÃO

Livaci foi transferido para um presídio de segurança máxima na cidade de Porto Velho, em Rondônia, após o ataque à penitenciária.
Quinta-Feira, 18 de Abril de 2019 - 08:18

Foi preso durante uma blitz no município de Várzea, Sertão da Paraíba, um dos integrantes da quadrilha de assaltantes a bancos que havia fugido da Penitenciária de Segurança Máxima Doutor Romeu Gonçalves de Abrantes, o PB1. Ari Muniz da Silva, de 39 anos, foi um dos detentos que escapou da unidade durante uma fuga em massa ocorrida em setembro de 2018.

De acordo com a polícia, ao ser abordado, Ari se identificou com um nome falso, mas foi reconhecido pelos policiais e preso em flagrante. Ele é dono de uma extensa ficha criminal com roubos a bancos, carros-fortes, estabelecimentos comerciais e homicídios.

Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária, o preso é o 68º fugitivo do PB1 a ser recapturado após. Ari é irmão de Livaci Muniz, conhecido por Galeguinho, apontado como o cabeça da gangue que liderou a invasão e a fuga no presídio. Livaci foi transferido para um presídio de segurança máxima na cidade de Porto Velho, em Rondônia, após o ataque à penitenciária.

Fonte - op9.com.br

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.