News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Quarta-Feira, 12 de Maio de 2021

Livre

ENTENDAS AS DIFERENÇAS ENTRE CEMITÉRIOS TRADICIONAIS E OS CEMITÉRIOS PARQUES

Muitas famílias contam com jazigos próprios para onde vão todos os seus membros, enquanto outras preferem fugir dos cemitérios tradicionais e apostar em opções mais leves, como os cemitérios parques.
Terça-Feira, 04 de Dezembro de 2018 - 14:19

Na hora de homenagear nossos entes queridos que já se foram, pensamos em todo tipo de tributo: com que roupas vamos enterrá-los, qual caixão escolher, um velório digno e onde enterrá-los. Muitas famílias contam com jazigos próprios para onde vão todos os seus membros, enquanto outras preferem fugir dos cemitérios tradicionais e apostar em opções mais leves, como os cemitérios parques.

Cemitério horizontal x Cemitério parque

Quando pensamos em cemitérios, a imagem que nos vem ao imaginário é sempre um lugar soturno, com enormes túmulos de arquitetura sombria, fotos descoloridas de famílias inteiras, estátuas de expressões lúgubres e outros simbolismos sepulcrais, não é mesmo?

Mas, por volta da década de 60, chegou ao Brasil um novo estilo de necrópole bem mais amistoso que o sinistro lugar sempre descrito e caracterizado em filmes de terror. São eles os chamados Cemitérios Parques: aqueles cemitérios sem túmulos cujas tumbas são todas embaixo da terra, sendo seu visual um vasto campo com pequenas placas indicando quem ali está enterrado e só. E, por sua atmosfera agradável, em muitas cidades brasileiras esses cemitérios recebem visitas e são verdadeiras áreas de lazer.

Cemitérios parques pelo Brasil

Como representantes dessa modalidade de necrópole, no Brasil, temos cemitérios bem famosos, como por exemplo o Bosque da Esperança, em Belo Horizonte. Em São Paulo, temos o Cemitério da Paz que, inclusive, foi o primeiro cemitério parque inaugurado no país, e o Cemitério Parque dos Pinheiros.

O destino das coroas de flores em Brasília é o Cemitério Campo da Esperança, enquanto no Rio de Janeiro um dos mais lindos é o Cemitério Parque Jardim da Saudade.

Cemitérios como pontos turísticos

Tem se tornado cada vez mais comum a atividade de visita guiada a cemitérios como um passeio turístico e cultural. Isso porque, além de guardar os resquícios daqueles que já se foram, os cemitérios são verdadeiros museus a céu aberto, guardando muito mais história sobre as regiões onde estão do que pode se esperar. A arquitetura local também chama atenção quando falamos sobre visitas a cemitérios tradicionais ou verticais: grandes obras de arte em formato de estátuas e pinturas podem se esconder em túmulos ilustres.

Um dos cemitérios brasileiros que mais atraem esse tipo de visita é o Cemitério da Consolação, em São Paulo. Além da suntuosidade de suas construções, há diversas personalidades enterradas lá cujos túmulos atraem muitos fãs de admiradores, como por exemplo Monteiro Lobato, Mário de Andrade e outros.

E aí, já escolheu seu próximo passeio?

Fonte - Aline Matos /NewsRondônia

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.