News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Sexta-Feira, 16 de Abril de 2021

Livre

SÉRIE 'PLANO DE GOVERNO'; CONHEÇA AS PROPOSTAS DO CORONEL MARCOS ROCHA

Vale lembrar que os planos de governo estão disponíveis no Sistema de Candidaturas e Contas Eleitorais (DivulgaCand2018) do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e todos os documentos pautam a nossa série.
Terça-Feira, 11 de Setembro de 2018 - 09:32

 

News Rondônia prossegue divulgando as propostas dos candidatos ao Governo de Rondônia. Mediante sorteio realizado por nossa editoria, as nove chapas terão seus espaços garantidos. A ordem do sorteio ficou assim definida: Vinícius Miguel (Rede), Comendador Valciclei Queroz (PMB), Maurão de Carvalho (MDB), Pedro Nazareno (PSTU), Acir Gurgacz (PDT), Coronel Marcos Rocha (PSL), Pimenta de Rondônia (PSOL), Coronel Charlon (PRTB) e Expedito Júnior (PSDB).

Vale lembrar que os planos de governo estão disponíveis no Sistema de Candidaturas e Contas Eleitorais (DivulgaCand2018) do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e todos os documentos pautam a nossa série.

Hoje (11) conheça as propostas do candidato Coronel Marcos Rocha (PSL). Seu plano de governo possui 21 páginas. O candidato não escreveu bibliografia, se limitou apresentar um contexto na abertura de cada item. Segurança Pública, Assistência Social, Educação, Economia e Saúde foram os assuntos mais destacados no projeto.

Identificar as necessidades básicas da população e garantir que as famílias acessem serviços de boa qualidade; Estabelecer parcerias com o setor privado, com o objetivo de apoiar iniciativas esportivas e culturais; Fortalecer o Sistema de Assistência Social; Fortalecer a articulação entre os Centros de Referência de Assistência Social; Articular a constituição da rede assistencial com as entidades do Terceiro Setor; Estimular a promoção da cultura do empreendedorismo junto às Comunidades; Garantir o acesso a todas as tecnologias assistidas que melhorem a vida de deficientes e idosos; Fomentar o programa de erradicação do trabalho infantil; Ampliação do programa de combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes.

Estímulo a políticas públicas que se articulem em torno dos desafios da formação, manutenção e difusão das atividades culturais; Compreensão e valorização da cultura; Estabelecimento de políticas que valorizem o patrimônio cultural material e imaterial; Fortalecimento do ensino das Artes na escola fundamental, como fator catalisador, em que a aquisição do conhecimento caminha ao lado do exercício da criatividade e a apreensão das linguagens artísticas.

Apoio aos investimentos, criação de incentivos à produção da agricultura orgânica como alternativa de renda na agricultura familiar, apoio às inovações tecnológicas, estímulo a pesquisas de extensão voltadas para agricultura familiar; Aceleração da regularização fundiária, agilizando os processos de demarcação e garantindo sua proteção física, bem como de apoio aos assentamentos e garantia de oferta das ações das diversas políticas públicas aos seus integrantes, com qualidade e eficiência.

Abrir caminho para uma estratégia de modernização, compatível com a dinâmica do sistema econômico; Reavaliação das prioridades estratégicas e atenção ampliada no que tange a economia estadual; Buscar junto ao Governo Federal a concretização da saída para o pacífico, abrindo novos horizontes econômicos para o Estado; Articulação com os prefeitos para criação de programas de geração de empregos, renda e oportunidades; Garantia de conclusão das obras já em andamento, com eficiência e celeridade; Reconhecimento da necessidade de estímulos especiais para a economia municipal, como forma de redução das desigualdades inter-regionais do Estado; Parceria permanente com Municípios, como agentes regionais e locais de desenvolvimento; Mapeamento de regiões com menor índice de desenvolvimento no território estadual, para identificar formas de geração de empregos e oportunidades.

Incentivo ao crescimento dos investimentos em infraestrutura turística, para permitir a expansão da atividade e a melhoria da qualidade do produto para o turista nas diversas regiões do Estado; Promoção dos valores culturais, ecológicos, gastronômicos dentre outros que possam gerar fluxo Nacional e Internacional de turismo para o Estado de Rondônia.

Restabelecimento da autoridade do professor em sala de aula e garantia da sua segurança; Contratação de professores efetivos, se for o caso; Contratação de profissionais da área de assistência social e psicologia para cada escola, dentro das condições financeiras;  Valorização dos professores e do profissional do magistério de toda a rede pública de ensino; Aprimoramento do ensino integral no sistema de ensino do Estado; Implantação de escolas militares nos 52 municípios; Universalização curricular do PROERD; Implantação da universidade aberta nos 52 municípios; Programa de incentivo aos jovens nas áreas de empreendedorismo, esporte, música, artes, cultura e lazer como matéria escolar complementar; e, 10. Programa de esporte, cultura e lazer para os idosos.

Atuar de forma eficaz nas áreas mais críticas dos centros urbanos, nos quais o foco seja a prevenção da violência, especialmente entre jovens; Prevenção e repressão ao crescimento das organizações criminais dentro das unidades prisionais; Mapear e propiciar o policiamento de áreas de intensa criminalidade, por meio do abastecimento de metodologia e treinamento adequados dos policiais e agentes penitenciários; Apoio a inovações gerenciais que visem integrar e otimizar as ações das polícias e do sistema penitenciário, bem como introduzir mecanismos de incentivos com base em resultados; Criação de políticas de valorização, apoio, aperfeiçoamento e qualificação de policiais e agentes penitenciários e dos demais integrantes dos sistemas de segurança pública; Trabalhar num Fundo de Valorização da Polícia e do sistema penitenciário, para apoio aos policiais civis, militares e agentes penitenciários do Estado, com o estabelecimento de metas para a transferência de recursos e a publicidade das metas e dos resultados obtidos; Introdução do novo modelo de gestão prisional, de forma a separar especialmente as lideranças do crime organizado; Fomentar e padronizar os serviços de inteligência nas polícias e sistema penitenciário; Ampliação do convênio com organizações que atuam na melhoria do sistema prisional; Criação da Comissão Especializada em Combate à Corrupção, Lavagem de Dinheiro e Crime Organizado; Criação de ouvidoria e delegacia Combate à Corrupção, Lavagem de Dinheiro e ao Crime Organizado.

Fonte - NewsRondônia

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.