News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Domingo, 17 de Janeiro de 2021

Livre

COM 12% DE ATEUS E “SEM RELIGIÃO”, VILHENA VÊ AUMENTAR O NÚMERO DE PESSOAS QUE SE AFASTAM DAS IGREJAS

Pastor explica que decepções religiosas podem afugentar fieis
Sexta-Feira, 18 de Maio de 2018 - 11:41

Vilhena tem pouco mais de 12% de pessoas que declararam, no último censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), não ter religião ou serem ateias. O número, no entanto, pode ser maior, caso se considere a grande evasão de presença nos cultos e missas que as igrejas observam recentemente. Segundo pastores da cidade, a “fé light”, onde o fiel tem muito discurso e pouca prática, pode ser considerado um tipo de “ateísmo disfarçado”.

Para o pastor evangélico Itamar Ferreira, os que seguem a Bíblia atualmente precisam estar felizes na igreja para se atraírem pela Palavra. “Eu penso que o cristão precisa encontrar prazer em congregar, pois é recomendação bíblica que não devemos deixar de congregar. Agora, se será em um templo, uma casa, praça ou na rua, não interessa. É preciso reunir-se como corpo de Cristo”, explica.

Comum entre católicos, o termo “não-praticante” define aqueles que se afastaram da igreja, mas mantêm a crença. Sobre essa situação, Itamar tem uma opinião firme, porém conciliadora. “A fé em Deus é um relacionamento que, quando vivido, se torna visível. Penso, através de minha experiência prática, que o que possa levar as pessoas a se afastar da igreja sejam decepções religiosas”, completa.

Fonte - 010 - Folha do Sul Online

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.