Sabado, 03 de Março de 2018 - 17:45 (Agronegocios)

L
LIVRE

MERCADO DE REPOSIÇÃO REAGINDO EM RONDÔNIA

Diferente do que observamos na maioria dos estados pesquisados, o mercado de reposição em Rondônia está movimentado.


Imprimir página

São dois os fatores que mais colaboram com este cenário. O primeiro é o preço do boi gordo. A cotação da arroba está mais sustentada no estado, a queda, na comparação mensal, foi de 0,7%. Para uma comparação, neste mesmo intervalo, o preço recuou 2,6% na média dos outros estados da Região Norte e Nordeste pesquisados pela Scot Consultoria.

O outro componente que contribui com o aumento do ímpeto dos compradores é a melhor distribuição e frequência das chuvas.

Embora este último também favoreça a retenção de animais por parte dos vendedores, a oferta um pouco mais frequente de animais mais jovens não dá espaço para vendedores travarem com mais afinco os preços pedidos.

Diante deste cenário, o poder de compra do pecuarista na troca com categorias menos eradas (bezerro desmamado [email protected] e bezerro de ano 7,[email protected]) caiu 0,4% desde o início do ano.

Já o poder de compra na troca com categorias mais eradas (garrote 9,[email protected] e boi magro [email protected]) cedeu 2,0%, tendo em vista que as referências para estas categorias aumentaram em função da oferta mais restrita.

Fonte: PORTALDOAGRONEGOCIO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias