PORTO VELHO: SEMED ABRE JOGOS ESCOLARES 2011 COM ETAPA CLASSIFICATÓRIA EM EXTREMA

Em Extrema, apenas o basquete não teve equipes inscritas entre os esportes coletivos
Sábado, 22 de Outubro de 2011 - 09:56

A disputa dos Jogos Escolares de Porto Velho começou na quinta-feira, com a etapa classificatória da região da Ponta do Abunã, no Distrito de Extrema. Ao todo, 12 escolas disputam as vagas em 11 diferentes modalidades esportivas. As equipes e atletas classificados vão participar da etapa final, que será realizada em Porto Velho no final de novembro. Cerca de 800 estudantes inscritos na competição participam dos Jogos até sábado. A secretária municipal de Educação, Fátima Ferreira, participou da cerimônia de abertura, na quinta-feira pela manhã, no ginásio da escola municipal 13 de maio.

Fátima parabenizou a disposição dos estudantes e professores envolvidos na disputa, lembrando que a participação nos Jogos Escolares resulta de muita dedicação e treinamentos ocorridos durante todo o ano de preparação. “O esporte auxilia em muito como ferramenta no processo educativo, incentivando na concentração e socialização das crianças”, disse. Fátima lembrou que através da prática esportiva, as crianças aprendem a conviver melhor com o próximo, além de desenvolver conceitos de disciplina.

Em Extrema, apenas o basquete não teve equipes inscritas entre os esportes coletivos. Os jogos que começaram na quinta-feira, logo após a cerimônia de abertura dos Jogos, estão reunindo disputas no handebol, futsal, futebol e vôlei, nas categorias infantil e juvenil, divididos no masculino e feminino. Os jogos ocorrem nos ginásios das escolas José Augusto, 13 de Maio e também no ginásio da Secretaria Municipal de Esportes de Extrema. Entre as modalidades individuais, estão ocorrendo provas de atletismo, xadrez, judô, natação, damas e pingue-pongue.

Entre as 12 escolas inscritas na competição em Extrema estão a Maria Jacira, Marechal Rondon, José Augusto da Silva, 13 de Maio.

A novidade neste ano foi a participação de estudantes da escola Estadual Indígena Santa Maria Pin, da Aldeia Kaxarari, que entrou na disputa com equipes de futsal masculino, futsal feminino e cabo de guerra. A prefeitura de Porto Velho, através da secretaria municipal de Educação (Semed), providenciou o transporte para buscar os pequenos atletas na Aldeia e facilitar a participação. “Eles ficaram encabulados, e nem queriam entrar no ginásio durante a cerimônia de abertura, quando todas as delegações ficam perfiladas”, contou a coordenadora pedagógica da Semed, Glaucia Negreiros.

Antes da fase final em Porto Velho, a Semed ainda irá promover outra etapa classificatória, desta vez reunindo as escolas localizadas na região do Baixo Madeira, com as disputas ocorrendo no Distrito de Calama, onde estarão participando cerca de 600 atletas de 14 escolas.

Para a fase final, em Porto Velho, a expectativa é de que entre 35 e 50 escolas estejam na disputa, numa olimpíada que deve mobilizar toda a comunidade estudantil da Capital. Promovidos há cerca de 20 anos no município, os Jogos Escolares receberam um incremento a partir de 2005, primeiro ano da administração do prefeito Roberto Sobrinho. A partir dali, a Semed ampliou a competição, criando os Jogos Recreativos, incluindo assim a categoria mirim, para crianças de 8 a 11 anos, das escolas de Educação Infantil. Nessa categoria, as provas ocorrem nas modalidades queimada, cabo de guerra e bets. Nesse ano, a novidade será a disputa também no futsal entre os pequenos. Os Jogos Recreativos ocorrem junto com os Jogos Escolares. No entanto, as etapas de Ponta do Abunã e Baixo Madeira não classificam para a final Porto Velho.

Por Róbinson Gambôa
Fotos: Divulgação Semed

Fonte - ASSESSORIA

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.