Quarta-Feira, 31 de Janeiro de 2018 - 19:07 (Nacional)

L
LIVRE

APÓS SER XINGADO EM VOO, GILMAR MENDES USA AVIÃO DA FAB PARA IR A SP

A assessoria do ministro informou que a solicitação foi feita à FAB por não haver voos de carreira disponíveis para o horário desejado.


Imprimir página

Após ser hostilizado em um voo comercial no fim de semana, o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), usou um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) para se deslocar de Cuiabá (MT) a São Paulo na tarde de segunda-feira (29/1).

De acordo com informações públicas disponibilizadas pela FAB, o voo do ministro decolou às 13h05 da capital mato-grossense e aterrissou às 17h30 em Congonhas.

Conforme informou a assessoria do ministro, a solicitação foi feita à FAB por não haver voos de carreira disponíveis para o trajeto que seria realizado. Gilmar Mendes deveria estar no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em São Paulo, antes do final da tarde de segunda (29).

O Ministério da Defesa autorizou o transporte “para agenda oficial no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo. Tal prerrogativa está prevista em lei, conforme o Decreto nº 4.244, de 22 de maio de 2002”, dizia a nota emitida pelo órgão.

Voo de carreira

No último sábado (27), Gilmar Mendes foi hostilizado por passageiros durante um voo de Brasília para Cuiabá. O ministro recebeu diversas críticas, e vídeos do momento foram divulgados na internet.

Perguntas como “Vai soltar o Lula também, depois? E o Aécio?” foram feitas pelos passageiros. “O STF não presta para nada. Tem que fechar aquilo lá”, continuaram. Logo depois, fizeram insultos pessoais, referindo-se ao ministro como “vergonha para o país”, “vergonha para a família brasileira” e utilizando termos mais vulgares, como “cagão”.

Fonte: 012 - Metrópoles

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias