CRIMINOSOS À SOLTA: PRESOS SERRAM GRADE E FOGEM DO PRESÍDIO PANDINHA

Conforme informações de agentes penitenciários que preferem não se identificar, o baixo efetivo de servidores é o principal problema que culmina na fuga dos apenados. Duas das guaritas do Pandinha estão “desativadas” há cerca de três anos. Pontos cegos, onde é impossível os agentes penitenciários monitorarem, são outros problemas enfrentados.
Segunda-Feira, 11 de Dezembro de 2017 - 13:13

Porto Velho, RO – Três presos considerados de alta periculosidade fugiram do Presídio de Médio Porte Pandinha, localizado na Estrada da Penal, área rural da cidade. Os agentes penitenciários que trabalham no local já haviam realizados diversas denúncias informando sobre a precariedade do presídio, porém, nenhuma atitude enérgica foi tomada.

Os servidores foram ao local para averiguar como estavam os apenados e encontraram a cela vazia. Os presos haviam serrado a grade superior e empreenderam fuga. Os fujões foram identificados como Eduardo da Silva Oliveira, Gilson Carlos Fernandes Camargo e Jorge Silva de Araújo.

Conforme informações de agentes penitenciários que preferem não se identificar, o baixo efetivo de servidores é o principal problema que culmina na fuga dos apenados. Duas das guaritas do Pandinha estão “desativadas” há cerca de três anos. Pontos cegos, onde é impossível os agentes penitenciários monitorarem, são outros problemas enfrentados.

Os trabalhadores clamam por atenção das autoridades visando melhores condições de trabalho.

Fonte - Anderson Nascimento - Newsrondonia

Comentários

News Destaques

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.