Sexta-Feira, 08 de Dezembro de 2017 - 19:51 (Colaboradores)

L
LIVRE

NATAL SHOW - PREFEITURA COMEÇOU A GASTAR A GRANA DA ILUMINAÇÃO NATALINA EM MAIO, E AGORA FALA EM PRIORIZAR ILUMINAÇÃO PÚBLICA

Para finalizar a coluna, Carlos Caldeira usou a frase do Profº Nazareno. 'Como não viajarei, vou encher o rabo de cachaça ruim no Natal. E tomara que na noite de 24/12 chova muito, falte energia e não tenhamos festas.'


Imprimir página

As publicações dos DOM'S Nº 5454, 5455 e 5456 de 18, 19 e 22 de maio de 2017 já traziam um prenuncio de desperdício de dinheiro publico.


A farra começou antes

Mesmo com o anúncio de parceria com o Governo do Estado, mesmo com toda declaração de amor a nossa capital, e mesmo que toda a "PROGRAMAÇÃO NATALINA" tenha começado sete meses antes do Natal, novamente o Portovelhense vai ter um Natal ensosso e sem graça, e se quiser fazer uma selfie para ficar como lembrança desta data simbólica, vai ter que se deslocar até o CPA ou ao prédio da Prefeitura de Porto Velho.

Com o intuito de participar do NATAL SHOW 2017 -  8ª FEIRA DE ARTIGOS DE NATAL, DECORAÇÃO E PRESENTES, evento esse EXCLUSIVO PARA EMPRESÁRIOS, o gabinete do prefeito, na época comandado por BRENO MENDES, mandou para o Estado de São Paulo, os servidores COMISSIONADOS; MARCOS PEREIRA DE SOUZA e WARNER ANTÔNIO PEREIRA, e gastou mais de 12 mil reais entre DIÁRIAS, PASSAGENS, HOSPEDAGENS E DESPESAS COM REFEIÇÃO E DESLOCAMENTO.


O evento aconteceu entre os dias 26 e 29/05

Em 29 de agosto, o Portal do Governo do Estado publicou matéria exclusiva narrando a parceria do Governo do Estado com a Prefeitura de Porto Velho para a realização da ILUMINAÇÃO DE NATAL da capital, e o projeto era simplesmente DESLUMBRANTE, coisa de primeiro mundo (CONFIRA MATÉRIA AQUI). As fotos que ilustravam a matéria já demostrava o que o Portovelhense ia ver no período natalino, e o ponto alto seria a EFMM.

O projeto da prefeitura previa cascatas, um presépio 3 D e chafarizes na praça João Nicoletti, sede do executivo municipal, cujo prédio seria iluminado. O ponto alto da proposta teria como cenário a Estrada de Ferro Madeira-Mamoré – seria executado um túnel da entrada até a sede administrativa, indo à casa do Papai Noel, com crianças colocadas nas janelas da locomotiva para apresentar cantatas de Natal. Os galpões seriam revestidos de iluminação.

Segundo o assessor do gabinete da prefeitura Wolmer Eliud Neves Jr., haveria tendas para que o público não ficasse vulnerável à chuva, e o ato simbólico de lançamento da ornamentação na cidade seria feita no pátio da EFMM.

O projeto previa ainda iluminação em pelo menos 370 árvores, e kits em fibra translucida de enfeites natalinos nos canteiros da avenida Jorge Teixeira, além da instalação de postes paralelos com cabos de aço de 10 metros para colocação de ornamentos nas avenidas Carlos Gomes, Jatuarana e Sete de Setembro. A prefeitura também iria fazer ornamentação do prédio do Mercado Central e prédio do Relógio.

PROFESSOR NAZARENO DETONA DECORAÇÃO NATALINA

Diante de mais um ano de pobreza na decoração natalina, mesmo diante de tantos gastos desnecessários, o polemico PROF. NAZARENO escreveu em sua coluna, o que ele vê e pensa sobre o assunto e ele terminou seu desabafo fazendo um questionamento ao prefeito Hildon Chaves:  “Dr. Hildon, o povo daqui gosta de ver sua cidade bem iluminada e toda decorada nas festas de fim de ano! Por que o senhor e sua equipe não se prepararam para isso? Ou o senhor ainda está esperando pela chuva de bosta para começar a embelezar de fato a cidade que prometeu limpar, adornar e amar? Não é assim que se curam feridas. Melhore a nossa autoestima”. Como não viajarei, vou encher o rabo de cachaça ruim no Natal. E tomara que na noite de 24/12 chova muito, falte energia e não tenhamos festas.

Fonte: Carlos Caldeira / Newsrondonia

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias