Quinta-Feira, 07 de Dezembro de 2017 - 10:11 (Colaboradores)

L
LIVRE

POLÍTICA & MURUPI: O GOZADOR - POR LEO LADEIA

Lula condenado a 9 anos e meio de cadeia resolveu brincar com a justiça e intimidar o TRF4 que revisa sua condenação aplicada por Sérgio Moro.


Imprimir página

FRASE DO DIA:

“Ladrão tem que ir para a cadeia.” – Lula da Silva

Lula condenado a 9 anos e meio de cadeia resolveu brincar com a justiça e intimidar o TRF4 que revisa sua condenação aplicada por Sérgio Moro: “Vocês sabem que eu tenho nove processos. Nove. E posso dizer para vocês de cátedra que o processo contra o Lula é o processo contra as coisas que nós fizemos no governo. Eu não vou entrar em detalhe, mas estou desafiando o Moro, o Ministério Público e a PF a apresentarem um centavo que eu cometi algum deslize nesse País”.

2-Previdência quebrada

O relatório "Pensionsat a Glance" compara o desempenho de 43 países, incluindo os do G-20 e OCDE e revela: o Brasil está na contramão. 

É a 25ª posição ao lado da Rússia. A taxa de dependência de idosos no país–número de pessoas com mais de 65 anos para cada 100 em idade produtiva (20 a 64 anos) – saiu de25 em 2015 para 62,3 em 2075. Pulo absurdo. Os outros países analisados vão sair de 25 agora para 55,6 em 2075. Pena que a “izquierda” de Paim seus puxadinhos partidários e sindicatos usem antolhos e continuem na velha pregação ideológica.

3-Mais um que roda na Prefeitura

Rodou outro secretário da Prefeitura de Porto Velho. O prefeito Hildon Chaves aceitou a demissão do secretário de Fazenda, Luiz Henrique Gonçalves. Luiz Henrique pula do barco com menos de seis meses à frente da secretaria. É o estilo Hildon. Não deu, vaza. O Luiz Henrique, deixa um xará, o Luiz Fernando no trampoe Zé de Nana avisa: “Sissigura povo que o pau de bater em doido tá na mão de quem gosta”. Será que roda mais alguém até o natal? O tempo é propício e segundo consta, além do peru, existe pelo menos um pescoço que já implorou pela faca.

4-De novo os velhos problemas

Uma banda molhada do céu caiu ontem à noite sobre Porto Velho e nos velhos pontos conhecidos o transito ficou complicado. Um aplicativo está sendo gestado para mapear e tentar desobstruir as bocas de lobo ou a velha rede de esgotamento subdimensionada. A tecnologia avançada, porém vai mostrar aquilo que todo mundo sabe: o pouco que há de sistema pluvial é utilizado há muito como esgoto de residências, empresas e órgãos públicos. A oportunidade para dragar canais, fazer a rede de esgoto e água, os viadutos etc., passou e os recursos a fundo perdido não voltam mais. O dinheiro das compensações mitigatórias das usinas foi repassado e pelo jeito, passado para trás. Os velhos problemas vão, as novas promessas vãs, as velhas lamentações são vãs...

5-A hora do espanto

Depois da histórica lambança jurídica patrocinada pelo STF, quando os membros por maioria dos votos livraram a cara do super-senador Aécio Neves e deixaram que o Senado Federal decidisse o que fazer com a sentença que havia sido proferida pelo próprio STF, o resto do Brasil passou a pegar carona no bonde. 

Hoje os ministros vão decidir o que fazer com o fantasma da insegurança jurídica que assusta o país. Hoje o STF encara quatro ações sobre a imunidade de deputados estaduais e numa delas estão os deputados do Rio, Edson Albertassi, Jorge Picciani e Paulo Melo presos na operação Cadeia Velha. E amanhã o STF vai olhar o próprio umbigo no caso Cassol.

6-Pensando bem...

Que tal o Brasil fazer uma eleição para presidente com dois candidatos apenas? Um seria alguém acima do bem e do mal, insuspeito, conhecedor da legislação nacional e internacional, transito livre em todos os setores públicos e privados, poliglota, rico, empresário de sucesso, nem velho nem novo, ficha limpa, servidor público, conselheiro de presidentes, parlamentares, enfim, um homem que pode prestar relevantes serviços ao país. Sugiro o Dr. Gilmar Mendes que de cara sai do STF dando uma mão na roda para a segurança jurídica. O outro, alguém com poucas chances de vitória como o Michel Temer por exemplo. Olha que a ideia não é das piores que já tive.

[email protected]
Facebook Leo LadeiaII

Fonte: Leo Ladeia/NewsRondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias