Quinta-Feira, 30 de Novembro de 2017 - 08:17 (Colaboradores)

L
LIVRE

O PUNHAL DA TRAIÇÃO POLÍTICA - POR CARLOS SPERANÇA

O judas continua prometendo lealdade e fidelidade, enquanto se reforça para a peleja do ano que vem arrebanhando até forças do partido de quem se diz amigo e companheiro.


Imprimir página

Preocupado com a mobilidade urbana nos municípios brasileiros, o Congresso Nacional busca propostas para suavizar a situação em Estados com cidades cortadas pelas rodovias federais, como é o caso de Rondônia, que tem pelo menos 10 municípios afetados pelo tráfego pesado de caminhões, redundando em centenas de acidentes, com muitas vítimas fatais a cada ano.

O projeto de autoria do senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) prevê que o trânsito das estradas federais poderá ser separado das vias urbanas. Pela proposta a segregação do trânsito das rodovias federais deverá ser feita preferencialmente por meio de contornos, anéis viários, rodovias perimetrais ou similares, sempre que houver viabilidade técnica ou financeira.

O relator da proposta, senador Lasier Martins (PSD-RS) sugeriu que a modificação seja incluída nas leis que tratam do parcelamento do solo urbano para garantir que os novos loteamentos respeitem a medida. E o Plano Diretor de cada cidade poderá ser adaptado a esta nova realidade.

Eleições 2018

O presidente da Assembleia Legislativa Maurão de Carvalho, pré-candidato do PMDB ao Governo do Estado de Rondônia, já abriu a temporada de caça aos votos percorrendo todo o Estado.

No âmbito do PMDB ele conseguiu unificar a legenda para garantir sua indicação nas convenções de julho, mas antes disto haverá um evento de lançamento da sua candidatura na capital com os partidos alinhados.

Em promoção

Lembro que quando edificava um sobrado em Porto Velho nos idos das usinas cheguei a pagar R$ 400,00 o preço do milheiro de tijolos por aqui. Quatro anos depois o consumidor vê o preço do produto cerâmico desabar e é encontrado até a R$ 240,00.

A construção civil, setor que mais empregava na capital, continua devagar e com isto as lojas de materiais de construção se arrastam para não fechar.

Migração interna

Os pequenos municípios rondonienses enfrentam um processo de esvaziamento populacional desde a década passada em Rondônia. Se constata que o fenômeno de migração é interno, beneficiando algumas regiões como a da 429 (médio Guaporé), Ponta do Abunã e a região de Nova Mamoré em detrimento de outras – Cone Sul, Zona da Mata, região central. Também os pólos regionais como ViIlhena, Cacoal, Jipa, Ariquemes são beneficiados com o deslocamento de migrantes.

Afiado, o punhal da traição política está pronto para ser desferido contra um certo candidato ao governo de Rondônia. Será daquelas traições políticas do cara soluçar em prantos, com nó na garganta. O judas continua prometendo lealdade e fidelidade, enquanto se reforça para a peleja do ano que vem arrebanhando até forças do partido de quem se diz amigo e companheiro. Não será a primeira vez e nem a última se tratando da política rondoniense.

História recorrente

As traições políticas são recorrentes em Rondônia. Começou em 1982, nas primeiras eleições quase gerais (menos ao governo do Estado que foi em 86), quando os articuladores do PDS compraram o PMDB inteiro de Vilhena, que deixaram Jerônimo Santana (numa disputa ao Senado) para apoiar os candidatos Odacir Soares, Galvão Modesto e Claudionor Roriz. Teixeirão virou o jogo naquele pleito e elegeu os três senadores, 5 dos oito deputados federais e quinze dos 24 deputados estaduais. Coisa de louco!

Via Direta

*** Temos uma carrada de ex-prefeitos se atirando na disputa às cadeiras da Assembleia Legislativa e a Câmara dos Deputados no ano que vem *** Também ex-deputados estaduais e federais estão retomando as carreiras depois de derrotas seguidas *** Os novos estão chegando com uma gana danada, com muita sede ao pote para as eleições do ano que vem *** Os presidenciáveis do primeiro escalão ainda nem deram a cara por Rondônia…

Fonte: Carlos Sperança - News Rondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias