News Rondônia Notícias de Rondônia, Brasil e o Mundo
Sabado, 05 de Dezembro de 2020

Livre

DEPUTADO ANDERSON APRESENTA VÍDEO COM RUAS DESTRUÍDAS PELA INEFICIÊNCIA DA CAERD NA CAPITAL

O parlamentar sugeriu uma força-tarefa do DER-RO para resolver o problema
Quinta-Feira, 23 de Novembro de 2017 - 15:38

Cansado de ver as ruas de Porto Velho sendo depredadas pela Companhia de Água e Esgotos de Rondônia (Caerd), o deputado estadual Anderson do Singeperon (PV) apresentou na terça-feira (21), durante a sessão ordinária da Assembleia Legislativa, um vídeo de sua fiscalização em diversas vias da Capital.

Na tribuna, Anderson revelou que vem “batendo na tecla”, inclusive por meio de indicações e requerimentos feitos à Companhia, sobre a problemática dos serviços de abertura de valas nas ruas, onde o asfalto não é reparado de forma imediata.

“O prefeito Dr. Hildon me disse que a Caerd assinou um TAC, um acordo se comprometendo a fazer essa recuperação, só que até o presente momento está aí a população sofrendo com essa buraqueira, com lama e acidentes que estão ocorrendo nessas vias. Isso é um absurdo. É revoltante”, criticou o parlamentar que citou que muitas das ruas destruídas tinham sido recém-asfaltadas pela Prefeitura.

O vídeo revela os perigos e dificuldades enfrentados por motoristas em ruas que receberam as obras inacabadas da Caerd, bem como o depoimento de moradores, a exemplo do estudante Jackson Vicente. “Teve casos já de a gente passar quando está chovendo e o ônibus tipo tombar. Ele passa num buraco desses, pode até tombar, ocasionar um acidente muito grave”, afirmou Vicente.

As imagens mostram o rastro desolador deixado pelas obras em pelo menos cinco bairros, nas ruas Benedito Inocêncio (Três Marias), Alexandre Guimarães (Lagoinha), Florianópolis (Esperança), Recife (Nova Esperança), Banjo (Castanheira) e Oleiros (Nova Esperança).

Na sequência da apresentação do vídeo, os deputados Hermínio Coelho (PDT) e Adelino Follador (DEM) parabenizaram a iniciativa do deputado Anderson de mostrar a realidade da gestão da Caerd, que inclusive enfrenta uma greve por deixar seus trabalhadores com três meses de salários atrasados.

Fonte - 010 - assessoria

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLÍTICA PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondônia - 2020.