Quinta-Feira, 16 de Novembro de 2017 - 18:16 (Geral)

L
LIVRE

GERALDO RUFINO, O CATADOR DE SONHOS, ENCERRA CICLO DE PALESTRAS NA FEIRA DO EMPREENDEDOR PROMOVIDA PELO SEBRAE

Durante as palestras, um painel com principais tópicos e ilustrações foi criado por designer de Brasília


Imprimir página

Em seus quatro dias, a Feira do Empreendedor proporcionou ao público novas ideias para inspirar novas possibilidades de negócio, compartilhamento de informações e tendências.

No último dia de palestras, Fernando Kimura falou sobre o marketing do futuro, mostrando aos participantes que os consumidores do século 21 estão bem mais exigentes. “Uma das formas de lidar com essa exigência dos consumidores é compreendê-los melhor, e personalizar é uma maneira de chegar mais próximo do consumidor.”

Kimura também contou que grandes empresas já fazem customizações pensando nos clientes e que essa prática, chamada de marketing pessoal, pode ser aplicada pelos micro e pequenos empresários regionais. Além disso, o empreendedor também pode usar as ferramentas das novas redes sociais. “O legal das redes sociais é que elas são democráticas. É o bolso e o público do empresário que definem. As marcas precisam criar valores para as pessoas, sejam nas embalagens, no produto ou no atendimento.”, explicou Fernando.

Durante os dias de palestras na Feira do Empreendedor, um painel de design foi montado com os principais tópicos e ilustrações dos temas abordados. O responsável foi Bruno Caran, designer de Brasília, e explicou que “65% das pessoas recebem as memórias de forma visual, então a ideia é fazer uma brincadeira visual entre o texto e o conteúdo e as imagens que completam isso”.

Geraldo Rufino encerrou o ciclo de palestras da Feira do Empreendedor 2017. Durante a conversa, o empresário, conhecido como catador de sonhos, contou que “empreender é um sentimento, seguido da atitude de fazer alguma coisa para você e para o próximo. E para isso não precisa ter idade, e sim personalidade”.

Geraldo começou a vida como catador de latas na periferia de São Paulo aos oito anos de idade, dando início a sua carreira como empreendedor. Seu objetivo na palestra é mudar o jeito de pensar do público. Segundo ele, se a pessoa quer empreender e tem espírito de determinação, ela consegue ir além.

A administradora Ana Penha participou da palestra e contou que saiu de maneira totalmente diferente. “Já tive várias ideias de novos empreendimentos, já ouvi muitas pessoas falarem ‘não’ para mim e, com isso, eu travava, não saía mais do lugar. Mas meu coração sempre falava para eu ir além. Hoje o Geraldo disse isso, que precisamos focar no nosso objetivo, olhar sempre para frente e acreditar nos nossos sonhos, porque vão se tornar realidade. Ano que vem já quero abrir meu novo empreendimento. Aos poucos, mas vou conseguir.”

Para mais informações sobre essa ou outras soluções do Sebrae, acesse o site sebrae.ro ou ligue gratuitamente para 0800 570 0800

Fonte: 010 - Dayan Cavalcante Saldanha

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias