Quinta-Feira, 16 de Novembro de 2017 - 16:16 (Política)

L
LIVRE

JESUÍNO BOABAID LAMENTA OCORRIDO NA CÂMARA DE VEREADORES

Parlamentar ressalta que acontecimentos como esse são o motivo da falta de mulheres na política


Imprimir página

O deputado Jesuíno Boabaid (PMN) lamentou, em sessão na terça feira (14), no plenário da Assembleia Legislativa, o desentendimento em audiência pública na Câmara de Vereadores de Porto Velho, entre a vereadora Ada Dantas (PMN) e outros dois vereadores.

Em incidente ocorrido na terça-feira (7), a vereadora Ada, esposa do parlamentar, entrou em uma discussão com Edwilson Negreiros (PR), o qual se exaltou após a colega impedir sua fala durante o debate sobre a questão dos mototaxistas.

“O vereador Jair Montes (PTC) já tinha falado e quando o Edwilson tentou falar ela educadamente pediu um momento, então ele se exaltou, gritou, apontou o dedo e disse que lá quem manda não é ele ou ela”, afirmou Jesuíno.

Segundo o parlamentar um dos motivos para o insulto teria sido o ocorrido na Assembleia Legislativa com o mesmo vereador, quando ele se retirou de uma audiência pública presidida por Boabaid sobre o Uber ao ter sua fala cortada. “Não tenho nada contra a pessoa do vereador, sei separar a vida política da vida pessoal. Se o senhor tem um problema comigo trate comigo, mas não saia destratando mulher”, pediu.

Jesuíno ressaltou, ainda, que acontecimentos como esse são um dos grandes motivos para a falta de mulheres na política. “Por isso o Parlamento não tem um fluxo de mulheres, que muitas vezes são coagidas e destratadas. É um absurdo”, acrescentou.

Fonte: 010 - ALE/RO - DECOM

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias