Domingo, 20 de Dezembro de 2015 - 08:34 (Geral)

L
LIVRE

INVEJA! COM ALTO SALÁRIO, MÔNICA IOZZI COLECIONA DESAFETOS NA TV GLOBO

Com status de estrela ex-CQC é considerada um curinga da emissora, tem bom apelo comercial, melhora a imagem do canal e diverte muita gente.


Imprimir página

Alessandro Granda/Redação News Rondônia

Apesar da crise o ano de 2015 tem sido promissor para Mônica Iozzi, de ex-CQC a estrela na Globo, em pouco mais de dois anos, apresentadora do vespertino ‘Video Show’ se consolidou na emissora e caiu nas graças de Boninho, o diretor do programa.

A prova desse sucesso é que acaba de ter seu contrato renovado com a Globo por três anos e ainda com salário de causar inveja na atual conjuntura brasileira. Basta lembrar que Mônica, já chegou a trabalhar em uma livraria ganhando R$ 1.800, vai passar a receber um salário expressivo que ultrapassa a casa dos R$ 100 mil mensais na Globo. Tudo isso porque Iozzi ganhou status de apresentadora, o que lhe confere uma renda maior.

Considerada como politicamente incorreta Mônica se tem como característica marcante seus comentários críticos sobre a própria Globo e seus artistas. Mas, engana-se quem pensa que todo mundo acha graça em suas piadas. Nessa temporada no "Vídeo Show" ela já alfinetou panicats, deputados, e disparou também para o lado de colegas de emissora, como Faustão, Tiago Leifert e até mesmo William Wack tem feito vistas grossas por ser chamado por Mônica de "coruja", por conta das olheiras.

Foto: @ monica.iozzi / Instagram / Reprodução

Até mesmo o bem-humorado Faustão, não achou graça quando Mônica o criticou na festa do "Vem Aí" por falar demais. Outra desafeta declarada da apresentadora é Tatá Werneck. Desavença antiga, que ninguém sabe explicar como ao certo começou. Mas isso não chega a preocupar. Nos bastidores dizem que Mônica tirou onda até do diretor-geral da Globo, Carlos Henrique Schroder na festa dos funcionários do Projac. Ela é um curinga da emissora, tem bom apelo comercial, melhora a imagem do canal e diverte muita gente.

Fonte: redação/newsrondonia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias