Sexta-Feira, 18 de Dezembro de 2015 - 19:00 (Tá na Lente)

16
Não recomendado para menores de 16 anos

TÁ NA LENTE: TRÊS MARIAS CEDE ÔNIBUS PARA ENTERRO DE JOVEM ATROPELADO E VEÍCULO É DESTRUÍDO POR AMIGOS DO RAPAZ

Quando o veículo passou pela Avenida Amazonas com a Rua José Amador dos Reis, a última janela foi arremessada. O motorista então parou o ônibus e os passageiros desceram. Alguns deles ainda jogaram pedras no para brisas, danificando o mesmo.


Imprimir página

Porto Velho, RO – Cenas de destruição e selvageria puderam ser vistas no final da tarde desta sexta-feira (18) em vias públicas do Bairro Escola de Polícia. Um ônibus da Empresa LEHIA Locadora de Veículos foi parcialmente destruído.

O jovem Eduardo Lima Nogueira, de apenas 17 anos, morreu no início da tarde de ontem (17) após ter sido atropelado e ter o corpo arrastado por alguns metros, por um ônibus coletivo da Empresa Três Marias, que faz a linha Tancredo Neves. A vítima bateu com força no para brisas do ônibus e sofreu traumatismo craniano. O rapaz chegou a ser socorrido por uma equipe avançada do SAMU, mas devido à gravidade dos ferimentos morreu momentos após dar entrada no Hospital e Pronto Socorro João Paulo II.

Já no final da tarde da tarde de hoje, um ônibus coletivo foi locado pela Três Marias e disponibilizado para atender os familiares e amigos de Eduardo, no deslocamento para o sepultamento do rapaz. Em contato com um comerciante, a reportagem do Jornal NewsRondônia foi informada que o coletivo transitava pela Rua José Amador dos Reis, Bairro Escola de Polícia, quando algumas pessoas que estavam lá dentro passaram a quebrar as janelas do veículo. Com chutes e empurrões, os passageiros quebraram as janelas e algumas foram caindo pela rua enquanto o ônibus ainda se movimentava.

Quando o veículo passou pela Avenida Amazonas com a Rua José Amador dos Reis, a última janela foi arremessada. O motorista então parou o ônibus e os passageiros desceram. Alguns deles ainda jogaram pedras no para brisas, danificando o mesmo. O ato seria em forma de protesto pela morte de Eduardo. Não foi registrado feridos nesta situação.

Fonte: Júlio Malta - NewsRondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias