Sabado, 29 de Agosto de 2015 - 09:25 (Polícia)

POLICIAIS ATIRAM 17 VEZES CONTRA PITBULL E ANIMAL SOBREVIVE

O animal, que estaria atacando pedestres em uma rua da cidade, foi atingido nas patas e precisou passar por cirurgia


Imprimir página

Policiais militares de Machado, no sul de Minas Gerais, atiraram 17 vezes contra um cão da raça Pitbull. O animal, que estaria atacando pedestres em uma rua da cidade, foi atingido nas patas e precisou passar por cirurgia

Segundo testemunhas, o dono do cachorro teria trancado o bicho dentro de um carro que estava estacionado. Depois de alguns minutos, muito agitado, o cão saiu do veículo e começou a correr e atacar quem passava pelo local

As vítimas pediram ajuda para a PM. Ao chegar no local, os policiais se aproximaram e foram atacados. Um deles sacou a arma e atirou várias vezes na direção do cachorro. Um outro militar atirou mais vezes. Atingido, o cachorro fugiu

O Pitbull precisou passar por cirurgia em uma clínica veterinária e não corre risco de morrer. Anderson de Souza, dono do bicho, diz que a história foi bem diferente.
 
Ele tinha escapado e é acostumado a ficar na porta de casa, estava quietinho. O cachorro não avançou, não partiu para cima dele

O rapaz acabou sendo preso em flagrante e levado para a delegacia, onde prestou depoimento e foi liberado. Ele vai responder por maus-tratos e contravenção penal

Fonte: r7

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias