Terça-Feira, 10 de Fevereiro de 2015 - 22:06 (Geral)

SENTIDO, INTENÇÃO E PROPÓSITO

Este estudo apresenta três grandes dimensões em que a maioria dos pensamentos pode estar diretamente embasada: o sentido, a intenção e o propósito.


Imprimir página

Para se chegar a valores e juízos perfeitos a um conjunto de proposições que são construídas na psique humana por meio do intelecto é importante perceber sobre a não linearidade do pensamento. Onde cada sentença se vincula a eixos fundamentais de atenção em que o foco de um pensamento pode variar em sua razão de sentido, intenção e propósito.

O que motiva uma pessoa a fazer uma determinada ação pode sofrer uma espécie de embasamento teórico que se vincula a uma informação. Este estudo apresenta três grandes dimensões em que a maioria dos pensamentos pode estar diretamente embasada: o sentido, a intenção e o propósito.

Se uma pessoa declarasse em sua mente o pensamento acima e vibrasse dentro desta linha de raciocínio poderia dizer que estivesse apaixonada. Entenda como vibrar o ato de usar a emoção ao estimular os seus órgãos a reagirem em sinal de afetação ao sentimento fabricado. Poderia até ser que seu coração pulsasse mais velozmente ao visualizar a cena que seu pensamento sugeria ao intensificar sua mente sobre o contexto percebido.

A questão é que os pensamentos são diretrizes complexas, uma pessoa pode se perder em apenas um trecho da proposição e intensificar a diretriz que ela sugere como reação esperada caso venha a dar crédito ou não à estrutura de pensamento idealizada.

Ela pode deslocar o seu intelecto para projetar cadeias de imagens passadas, sentimentos represados e outras representações de signos que estão diretamente embasadas na estrutura da linguagem. Pode ser que o AMOR seja apenas o pretexto para o exercício das faculdades da mente.

Mesmo que se dez mil pessoas lessem um livro de Agatha Christie e em seus dizeres estivesse registrada a frase como pertencente a um de seus personagens seriam 10.000 novas estruturas diferentes de entendimento, cada qual inserido dentro do seu contexto e universo de expressão.

E o pensamento que uma pessoa é capaz de digerir em primeiro nível de concordância é suficiente para despertar o interesse de pensamentos correlatos e um é capaz de antever o outro e trilhar com ele uma linda sinfonia de dizeres que não fazem atrofiar o pensamento considerado nobre e importante.

Por isto todo cuidado ao se vibrar por dentro uma canção lírica de amor para que dela não venha o sofrimento mudar a nota da melodia e abastecer a mente com os antes valores que poderiam te deixar down o seu espírito e fazer com que você venha a manifestar um delírio ou algum sentimento inapropriado para toda uma espécie ou civilização.

Nada, nem o tempo será capaz de apagar meu sentimento, mesmo que não seja possível a correspondência, mesmo que outra humanidade surja, eu farei se possível forem hieróglifos do que um dia vivi para constar no mural dos justos o que um dia fui capaz de sentir. Farei lançar uma flecha de amor para contar minha história para que seja preservada, mesmo que um dia só existam pedras para  me ouvir, ou para recordar o que um dia fui.

Sendo assim como ilustra o exemplo, o sentido é o embasamento dentro de um direcionamento do raciocínio, uma linha em que as palavras vão trilhando a mente a escalonar os signos de que ela venha a necessitar para construção do pensamento.

A intenção é um raciocínio mais complexo, em que é capaz de dirigir a ação de catalogação dos signos que se formam pela união circular em torno de uma estrutura de linguagem. Na forma de uma cadeia que segue um padrão específico que aponta para um lugar definido.

Já o propósito seria a meta que se deseja alcançar pelo direcionamento dos signos que são capazes de compor a canção que uma pessoa é capaz de ordenar informações em sua mente.

Sendo assim o sentido desperta o caminho para evocar para si a melodia de uma sentença de pensamento, a intenção seria a projeção do raciocínio que servirá de guia para novos arranjos e composições do pensamento e o propósito a observação donde se pretende chegar com a estrutura de linguagem que está se formando a fim de alcançar um objetivo idealizado.

Porém tem pessoas que preferem se apegar a privação de sentido, e passam a vibrarem dentro da nota estridente que reduz às expectativas as asperezas da vida. Eu não prefiro ao sofrimento, eu prefiro ao AMOR. E quanto mais o cultivo em meu jardim mais ele é capaz de enobrecer minha alma com seu fruto. Não me importa a distância, não me importa o merecimento ou a constância,... importa-me sim, a sabedoria para preservar o que um dia senti que fui útil para você e para mim. Por isto registro tudo o que penso, porque sei que posso contaminar outros a agirem da mesma forma, para que seus caminhos sejam translúcidos como sinto fluir a minha doce ilusão de AMOR.

O propósito pode ser nobre, a intenção pode ser boa e o sentido encantador, porém tomadas de decisões sobre o rumo em que o pensamento estabelecido na mente deverá se confrontar com outros pensamentos nobres contidos em outros indivíduos também. Nem sempre o bem de um indivíduo é o bem para a pessoa amada ou para outros na partilha do ambiente.

Através deste principio é possível definir igualmente outros parâmetros nobres como: objetivos no percurso de um discurso, circunstâncias, impropriedades, sensações, delírios, devaneios, sincopes, lirismos, insauts, iluminação de um pensamento por percepção avançada quando decorre de uma simples observação na sequência de um parafrasear de um pensamento, aspectos de concordância e discordância, de afetação do comportamento ou ...

O importante ao usar o sentido, a intenção e o propósito é não criar uma parapraxia, ação falha, em que o receptor da mensagem não venha a entender o seu objetivo da transmissão da informação da forma de conhecimento. Então o sentido das sucessivas etapas do processo de comunicação deve vir associado de forma a ter uma completa harmonia que identifica a segmentação em que a informação deverá fluir para a geração do entendimento puro.

Amei cada representação que minha mente foi capaz de compor ao me lembrar de um pensamento teu. Assim te farei uma criatura eterna. No amor, não na incompreensão.

Fonte: Max Diniz Cruzeiro

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias