Quarta-Feira, 25 de Maio de 2022 - 08:33 (Geral)

L
LIVRE

Durante 9ª Rondônia Rural Show, investidores de Israel anunciam projeto para impulsionar a piscicultura do Estado

Vice-presidente da Câmara de Comércio Brasil Israel, Jack Magid fez apresentação do projeto Pride Tambaqui de Rondônia


Imprimir página

Autor - Vanessa Moura

Ocupando o 3º lugar como maior produtor de peixes do Brasil e sendo líder na produção de peixes nativos em cativeiro no país e também na produção de tambaqui  de acordo com o Anuário da Piscicultura 2022 da Associação Brasileira da Piscicultura – PEIXE BR, Rondônia deu um passo importante para alavancar a piscicultura nesta terça-feira (24) com o anúncio do projeto “Pride”, de iniciativa de investidores de Israel, que trata-se da implantação de um Centro de Conhecimento Sustentável para ajudar a cadeia produtiva de peixes, especificadamente o tambaqui, a se fortalecer.


Fotos: Daiane Mendonça

O projeto foi anunciado durante o segundo dia da 9ª Rondônia Rural Show, que segue com programação até o dia 28, no Parque Vandeci Rack, em Ji-Paraná. O ‘‘Pride”, em inglês, significa orgulho, busca valorizar a aquicultura por meio de pesquisas tecnológicas e científicas. Em Rondônia, a implantação da mega fazenda de tambaqui, que servirá como um local de treinamento para produtores,  está prevista para acontecer no município de Ariquemes, no Vale do Jamari.


Fotos: Daiane Mendonça

Projeto de valorização do tambaqui em Rondônia impressiona público da feira

O investimento total do empreendimento é estimado em U$ 80 milhões de dólares. A projeção é que sejam gerados nos primeiros seis meses, 50 postos de trabalho, e que em um ano alcance 100 pessoas. Entre 5 a 7 anos, a expectativa é alcançar 5 mil postos de trabalho. O “Pride” tem como meta implantar um restaurante de tambaqui de Rondônia em Nova York até 2023 e triplicar a produção até 2028.

O governador de Rondônia, Marcos Rocha, destacou o orgulho de Rondônia em receber grandes negócios como esse que aproveita a vocação do Estado para impulsionar a economia e trazer mais qualidade de vida aos rondonienses e ressaltou o compromisso do Estado no fortalecimento de políticas públicas que ajudam no desenvolvimento rondoniense.

”O Governo busca trabalhar em conjunto para gerar mais empregos e renda para nossa gente, somando para ajudar no fortalecimento das cadeias produtivas”, pontua ao destacar que o empreendimento deve receber apoio do Fundo de Investimento e Desenvolvimento Industrial do Estado de Rondônia (Fider).


Fotos: Daiane Mendonça

No Centro de Conhecimento Sustentável, os produtores serão treinados para atender o padrão internacional do consumo do tambaqui

O secretário de  Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec), Avenilson Trindade, destacou que o “Pride” é o case de sucesso do programa de atração de desenvolvimento do Governo, o “Invest Rondônia”. ”Esse projeto consolida a política pública de atração de investimentos de Rondônia, ao prospectar um empreendimento que contempla a aptidão do Estado. Somos um dos maiores produtores de tambaqui do país, um produto muito saboroso. Acreditamos que o “Pride” irá transformar a cadeia de peixes de Rondônia, e também a economia do Estado”.

O empresário e vice-presidente da Câmara de Comércio Brasil Israel, Jack Magid, fez a apresentação do projeto “Pride Tambaqui de Rondônia”, no Espaço Empresarial Internacional da 9ª Rondônia Rural Show e mostrou em vídeo a projeção de como ficará o Centro de Conhecimento Sustentável, o que impressionou o público. Ele explicou que no local, os produtores terão conhecimento de toda a cadeia produtiva, o que contempla genética, saúde, tratamento da água, o qual Israel é referência, produção; processamento; economia integrada; inteligência artificial e gestão inteligente.


Fotos: Daiane Mendonça

“Pride” é o case de sucesso do programa de atração de desenvolvimento  do Governo, o “Invest Rondônia”

”Rondônia tem o melhor peixe do mundo e estamos juntando as pontas para levar esse melhor peixe do mundo para o mundo. Nesse centro de conhecimento os produtores serão treinados para atender o padrão internacional, o que abrange a certificação e homologação do tambaqui para os países importadores, a logística adequada a cada mercado e o marketing adequado a cada país”, informa Jack Magid.

PISCICULTURA DE RONDÔNIA

– Rondônia é o 3º maior produtor do Brasil;

– É o maior produtor de peixes nativos em cativeiro  do Brasil;

– As maiores cidades produtoras estão na região central e Vale do Jamari;

– Em 2021, a produção de peixes nativos em Rondônia foi de 59.600 toneladas;

– A principal espécie produzida é o tambaqui. A produção desta espécie representa 90% da produção do Estado;

– Nos últimos três anos, Rondônia exportou 193.900 toneladas de tambaqui.

– O tambaqui ocupa a 3ª posição nas exportações de pescado do Brasil;

[Fonte: Peixes BR 2022   e Seagri]

Fonte: 025-SECOM - GOV/RO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias