Terça-Feira, 15 de Março de 2022 - 11:51 (Cidades)

L
LIVRE

Dr. Paulo solicita UTIs Neonatais para o Materno Infantil de Cacoal

A aquisição das UTIs Neonatais é fruto de emenda parlamentar do ex-deputado federal Nilton Capixaba (PTB).


Imprimir página

Em reconhecimento ao mês da mulher e por ser defensor nato das causas sociais, o vereador Dr. Paulo Henrique (PTB) solicitou, via indicação, durante o discurso desta segunda, 14/03, que a Secretaria de Estado da Saúde celebre termo de cooperação entre Estado e Município de Cacoal para que os 09 leitos de UTI Neonatal e o leito móvel sejam destinados ao Hospital Materno Infantil de Cacoal visando o atendimento das gestantes que compõem a regional da capital do café. A aquisição das UTIs Neonatais é fruto de emenda parlamentar do ex-deputado federal Nilton Capixaba (PTB).

De acordo com o vereador, aproximadamente 04 mil gestantes com gravidez de alto risco são atendidas pelo Governo do Estado, no Hospital de Base, com o uso de UTI Neonatal na cidade de Porto Velho. Fato que se mostra inaceitável a não implantação e não funcionamento da UTI Neonatal no Hospital Regional de Cacoal ou no Hospital de Referência como o Materno Infantil de Cacoal. Mães e nascituros são obrigados a transitarem em rodovias esburacadas, com o intuito de tentar salvar vidas.

“Desde 2019, mesmo antes de ser vereador, já denunciava o descaso deste governo com a nossa população. As Incubadoras e diversos equipamentos que compõem os 09 leitos de UTI neonatal estão parados, desde 2017, no almoxarifado do Hospital Regional de Cacoal. Isso é abominável e repugnante” destacou o vereador. 

De acordo com o Ministério da Saúde, no Brasil nascem quase 40 prematuros por hora, ou 900 por dia. Nos estados onde o número de unidades é menor, a ocorrência de mortes tem sido mais alta, especialmente nos estados do Norte e Nordeste brasileiros. A mortalidade neonatal (número de óbitos de crianças com menos de 28 dias de idade) por mil nascidos vivos é inversamente proporcional ao número de leitos disponíveis.

Fonte: 20 - Câmara de Cacoal

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias