Sexta-Feira, 10 de Dezembro de 2021 - 08:37 (Hidreletricas do Madeira)

L
LIVRE

Com reajuste de 6,93%, energia elétrica fica mais cara na próxima segunda,13 em Rondônia

De acordo com a Aneel os efeitos médios da alta tensão são referentes às classes A1 ( 230 kV), A2 (de 88 a 138 kV), A3 (69 kV) e A4 (de 2,3 a 25 kV).


Imprimir página

Não esperava por mais um aumento na conta de luz este ano? Então, prepare-se porque a partir da próxima segunda-feira (13) a energia elétrica fica mais cara. O aumento médio é da ordem de 9,93% e foi aprovado esta semana pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e vale para o estado de Rondônia.

A Energisa distribuidora de Rondônia antes mesmo da conta chegar na sua casa tenta apaziguar o chororó afirmando que “as ações tomadas pela empresa foram importantes para amenizar o impacto”.

De acordo com a Aneel os efeitos médios da alta tensão são referentes às classes A1 ( 230 kV), A2 (de 88 a 138 kV), A3 (69 kV) e A4 (de 2,3 a 25 kV). Com relação a baixa tensão, a média engloba as classes B1 (Residencial e subclasse residencial baixa renda); B2 (Rural: subclasses, como agropecuária, cooperativa de eletrificação rural, indústria rural, serviço público de irrigação rural); B3 (Industrial, comercial, serviços e outras atividades, poder público, serviço público e consumo próprio); e B4 (Iluminação pública).

Com informações da Aneel.

Fonte: News Rondônia

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias