Quinta-Feira, 16 de Setembro de 2021 - 09:43 (Meio Ambiente e Ecologia)

L
LIVRE

Liberado estudo que prevê a expansão da BR-364; plano viabiliza ligar o Acre com o Peru pela Serra do Divisor

Desde 1989 (32 anos), o Brasil ambiciona esta possibilidade.


Imprimir página

Com a autorização liberada esta semana pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMbio), estudos em torno da ampliação da BR-364, objetivando ligar Mâncio Lima no Acre a Pucallpa no Peru devem iniciar ainda neste ano de 2021.


deputada federal Mara Rocha (PSDB)

Um oficio extraoficial do diretor de Pesquisa, Avaliação e Monitoramento da Biodiversidade (Dibio) do ICMbio, tenente coronel da Reserva, Marcos Aurélio Venâncio, acena para o começo dos trabalhos de pesquisa com foco no licenciamento ambiental.

Os estudos em torno da ampliação da BR-364, buscam expandir a economia brasileira, ambicionando a rota Oceano Pacífico.

A estrada que começa em São Paulo finda antes no Parque Nacional da Serra do Divisor. A ideia do governo brasileiro é justamente estender o percurso em mais 22 quilômetros.

Desde 1989 (32 anos), o Brasil ambiciona esta possibilidade. Caso os estudos se concretizem, a ideia é cortar 837,5 mil hectares do Parque Nacional.

Para que isso torne uma possibilidade, na Câmara dos Deputados, Projeto de Lei nº 6.024/2019, da deputada federal Mara Rocha (PSDB), espera transformar a Serra do Divisor numa Área de Proteção Ambiental (APA), reduzindo, as restrições para exploração da região.

Se depender dos ambientalistas, o projeto de ampliação da rodovia até o Peru não vai para frente. Na internet uma petição com mais de 20 mil assinaturas pedia a exclusão do PL.

Fonte: News Rondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias